!@ {o polifônico, [Jornalismo de Intervenção # Por Leonor Bianchi]

Região dos Lagos é 18ª no ranking de violência contra crianças

Posted in Estado, Região, Rio das Ostras, Segurança Pública by ImprensaBR on 18/07/2013

Número de casos de violência chegou a 27 mil no Rio. Ranking estadual “avalia” 39 regiões do estado

A morte da menina Gabriely, de dois anos, em Rio das Ostras, Região dos Lagos, chamou a atenção para os casos de violência infantil no estado do Rio de Janeiro. Só em 2011, foram mais de 27 mil registros em todo o estado, mas esse número poderia ser bem maior, porque, segundo as autoridades, nem todos os casos são denunciados. E a cada ano aumenta o número de casos, dados mais recentes do Instituto de Segurança Pública mostram que em 2011 foram quase 27 mil casos de violência e mais de 3 mil de estupros de menores. E em 2009, foram 22 mil registros de violência e 2.500 estupros.

O último caso registrado na Região dos Lagos foi o da menina Gabriely, violentada e morta que teve o corpo encontrado debaixo de um monte de telhas, a pouco mais de 100 metros da casa onde ela morava com a familia. O homem suspeito de cometer o crime, que seria dependente químico, está preso desde a semana passada. No início do mês, outro caso que chamou a atenção foi o de um menino de 9 anos, em Rio Bonito. Segundo a polícia, ele teria sido morto por um tio. O crime chocou os moradores da cidade. Em Búzios, uma adolescente portuguesa de 12 anos foi agredida nesta semana e encontrada seminua depois de ser levada por um homem enquanto esperava uma van, segundo ela mesmo declarou à família.

Em Macaé foram 179 atendimentos de violência contra crianças realizados em 2013 e 133 em 2012. Em Rio das Ostras foram 18 vitimas de violencia sexual com menos de 18 anos no ano passado e sete casos este ano. De acordo com Cláudia Pereira, coordenadora do núcleo de  atenção à saúde do adolescente, não é possível afirmar que a violência aumentou de fato ou já existia e não era notificada.

A comissão de direitos humanos da OAB de Rio das Ostras explica que o problema está relacionado a educação, as políticas públicas de assistência social, segurança e também ao crescimento das cidades. Os casos de agressão suspeitos podem ser denunciados ao Conselho Tutelar e ao Ministério Público.

Do G1

Comentários desativados em Região dos Lagos é 18ª no ranking de violência contra crianças

%d blogueiros gostam disto: