!@ {o polifônico, [Jornalismo de Intervenção # Por Leonor Bianchi]

Lei cria o Observa Mulher, sistema de informações de violência contra a mulher

Posted in Brasil, Cidadania, Educação, Esporte, Rio das Ostras, Saúde, Segurança Pública, Turismo by ImprensaBR on 04/06/2013

Agora é lei: o Estado do Rio terá um sistema integrado de informações de violência contra a mulher. É o que determina a lei 6.457/13, publicada no Diário Oficial do Executivo desta terça-feira (04/06) e que institui a política estadual que dará origem ao sistema, denominado Observa Mulher-RJ. Com o objetivo de organizar e analisar dados sobre atos de violência contra a mulher no estado e de integrar os órgãos que fazem esse tipo de atendimento, a política incluirá a criação de um cadastro eletrônico.

A norma é de autoria da deputada Inês Pandeló (PT), que explicou que os números documentados hoje saem apenas dos atendimentos nas delegacias. “Mas sabemos que há quem não denuncie à polícia, por isso é fundamental que tenhamos como reunir também os dados que podem ser levantados nos atendimentos médicos, nos Cras…”, enumerou a parlamentar, citando os Centros de Referência da Assistência Social.

Para ela, obter o número mais próximo à realidade garantirá a criação de políticas públicas eficazes para a erradicação desse tipo de crime. “Só há políticas públicas quando há registro, informações que deem embasamento às ações. Há muitas instituições recebendo denúncias, mas não há compilação de dados. É isso que este projeto propõe”, afirmou a parlamentar. O cadastro terá dados sobre a violência praticada, como data, horário local e tipo de delito; informações sobre a vítima, o agressor e histórico de atos de violência entre os envolvidos. O cadastro também reunirá número de ocorrências registradas pelas polícias civil e militar, número de medidas protetivas emitidas Ministério Público e de inquéritos instaurados.

Fonte: Alerj
Leia também – Grupo ‘Chega de Estupros em Rio das Ostras’ leva para a Câmara Municipal, hoje, às 10h, Audiência Pública com a presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Alerj, Inês Pandelô.

Comentários desativados em Lei cria o Observa Mulher, sistema de informações de violência contra a mulher

Rio das Ostras recebe abertura da temporada 2013 do Brasileiro de Bodyboard

Posted in Brasil, Cidade, Esporte, Rio das Ostras, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 26/05/2013

O Circuito Brasileiro de Bodyboard 2013 teve sua primeira etapa definida nessa semana. Entre os dias 16 e 18 de agosto, a cidade de Rio das Ostras, Região dos Lagos, no Rio de Janeiro, abre o calendário nacional de eventos, oferecendo R$ 35.000,00 em premiação.

Após cinco anos de ausência no calendário, a cidade rioostrense volta a sediar uma competição de grande nível, sendo que a última havia sido em 2008, quando o circuito mundial de bodyboard passou pela praia de Costa Azul.

“Estamos muito felizes com o retorno de Rio das Ostras ao calendário nacional de competições. Foi muito bom ter viabilizado este evento para uma da cidades que mais fizeram e fazem pelo esporte no país. Esperamos de braços abertos todos os atletas do Brasil”, comemora o presidente da CBRASB, Edmar Rezende.

Rio das Ostras tornou-se uma referência nacional na formação de ótimos atletas a partir da criação da escolinha de bodyboard, coordenada pelo próprio presidente da entidade, Edmar Rezende. Do projeto, surgiram nomes como Israel Eduardo, Adriano Minguta, Miguel Medina, Bruno Araujo, entre tantos outros destaques do bodyboard no Brasil.

Rio das Ostras fez história no Circuito Mundial:

Durante muitos anos, Rio das Ostras foi responsável por sediar etapas do Circuito Brasileiro, Latino e Mundial. Durante a etapa do Latino-Americano, disputada em 2005, foi realizada a primeira transmissão ao vivo de uma etapa através da internet. Além disso, em 2008, o Circuito Mundial desembarcou na cidade, com vitórias dos consagrados Uri Valadão e Isabela Sousa.

Na ocasião, Uri Valadão venceu o carioca Francirley Ferreira, e despontou para o seu primeiro título mundial, conquistado naquele mesmo ano. Já Isabela Sousa, obteve um grande resultado sobre a basca Eunate Aguirre na final e começou a mostrar ao mundo todo seu talento, culminando nos dias de hoje em dois títulos mundiais.

Fonte: 360

Comentários desativados em Rio das Ostras recebe abertura da temporada 2013 do Brasileiro de Bodyboard

Inscrições para a etapa de Rio das Ostras da Copa Rio estão abertas

Posted in Esporte, Região, Rio das Ostras, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 22/05/2013
Quarta etapa da competição vale pontos para os rankings estadual e nacional
Por ahe!

Será realizada no próximo dia 2 de junho, a quarta etapa da Copa Rio de ciclismo. Rio das Ostras será o palco da prova após a competição passar por Angra dos Reis, Três Rios e Volta Redonda. As inscrições para o evento já estão abertas e podem ser realizadas até 30 de maio pelos sites http://www.bikebros.com.br ehttp://www.fecierj.org.br. O valor é de R$ 40,00 e o pagamento deverá ser feito apenas por depósito bancário e identificado.

A prova valerá pontos para os rankings estadual e nacional. Os dez primeiros colocados do ranking nacional garantem vaga no Tour do Rio, principal competição do ciclismo brasileiro.

Veja mais: Adélio da Silva e Natasha Albuquerque vencem terceira etapa da Copa Rio

Disputada na modalidade estrada, a Copa Rio será realizada em um circuito de 19,4km, com largada em frente ao Parque de Exposição de Rio das Ostras. O número de voltas no circuito varia de acordo com a categoria, tendo a elite masculina que completar cinco voltas, enquanto a elite feminina, três.

Premiações Copa Rio de Ciclismo (Rio das Ostras)

Categoria Elite Masculina
1º – R$ 500,00
2º – R$ 300,00
3º – R$ 100,00

Categorias Master A, Master B, Master C, Sub 30 MTB e Feminino
1º – R$ 200,00
2º – R$ 100,00
3º – R$ 50,00

Fonte: Revista Ciclismo

Comentários desativados em Inscrições para a etapa de Rio das Ostras da Copa Rio estão abertas

Nada Deve Parecer Impossível De Mudar

Posted in Brasil, Cidadania, Cidade, Eleições 2012, Esporte, Matheus Thomaz by ImprensaBR on 04/07/2012

Por Matheus Thomaz

Desconfiai do mais trivial,na aparência singelo.

E examinai, sobretudo, o que parece habitual.

Suplicamos expressamente:

Não aceiteis o que é de hábito como coisa natural,

Pois em tempo de desordem sangrenta, de confusão organizada,

de arbitrariedade consciente, de humanidade desumanizada,

nada deve parecer natural

nada deve parecer impossível de mudar.

(Bertolt Bretch)

Terminou o prazo para a formalização das candidaturas tanto a prefeito como de vereador para as eleições deste ano. Outro veículo de informação local afirmou que serão 4 os postulantes ao cargo de prefeito de Rio das Ostras. Uma chapa com um azarão da burguesia local, um braço político do Garotinho, o Deputado Sabino e o atual vice-prefeito. Essas quatro candidaturas resultam do fracionamento das forças que dominam Rio das Ostras desde sua emancipação.

Porém existe mais uma candidatura! O Partido Socialismo e Liberdade, PSOL, apresentou sua chapa ao pleito. Concorrendo sem alianças o partido aposta na onda solar da primavera carioca. A convenção aconteceu na última sexta-feira, dia 29 de junho. Mais de 100 pessoas estiveram na Câmara de Vereadores para dar apoio e prestigiar o lançamento. Não teve queima de fogos, carreata ou quaisquer outros estardalhaços.  O objetivo não era um espetáculo para a sociedade ou mais uma encenação da sociedade do espetáculo, os ventos ali eram sugestivos de mudança. Ventos que semeiam campos e junto aos passarinhos da liberdade espalham as sementes das flores primaveris.

A chapa do PSOL é composta por dez candidatos a vereadores e tem como candidata a Prefeita Lena, de 39 anos, auxiliar de serviços gerais contratada da Escola Jacintho e presidente da Associação de Moradores do Âncora. Líder comunitária aguerrida que nunca se furtou em enfrentar e denunciar a gestão municipal no seu (dês)gorverno a favor de uns poucos. Sua luta é por questões elementares como água, iluminação, segurança, saúde, transporte e educação.

O PSOL vai apresentar um programa consistente para a cidade de Rio das Ostras. O conjunto da militância já tem uma boa análise geral e de algumas áreas específicas das políticas sociais como: educação, transporte e saúde. É parte da discussão do PSOL também a questão do combate às opressões, a questão da mulher, dos LGBT’s. Rio das Ostras tem uma questão ambiental muito séria, a forte tensão entre busca de lucros pela especulação imobiliária e a preservação de características naturais e uma ocupação planejada do espaço. Será apresentado o debate do ecossocialismo com propostas concretas. É também preocupação a questão democrática e a participação popular com a idéia de fortalecer os conselhos de políticas e de direitos.

A proposta é uma mudança de prioridade nas finanças públicas, a cidade não será mais uma sala de negócios de meia dúzia de empresas em quanto que a população e as políticas públicas ficam com as migalhas que caem do banquete farto da burguesia. O PSOL se propõe a fazer uma grande auditoria em todas as contas e contratos de serviços da prefeitura, passar um pente fino nas finanças públicas. Reduzir o desperdício e melhorar a qualidade do gasto público, acabar com o cabide de emprego com cortes de cargos desnecessários como fiscal de corredor e secretário do carro oficial.

Havia uma energia forte na convenção. Trabalhadores e estudantes lá presentes tinham um brilho nos olhos, eles sabem que estão fazendo história. Terão uma batalha dura e difícil pela frente, enfrentar toda a máquina eleitoral do governo municipal e estadual e mais as altíssimas cifras que essas candidaturas arrecadam junto a empresários muito interessados em política. Dirão que os lutadores são como o Incrível Exército de Brancaleone, partirão para desqualificação. Mas tentarão a todo custo os fazer invisíveis! Farão isso por que temem esses jovens com brilhos nos olhos e coragem nos corações. Temem a força do povo, temem a consciência política da população.

Já experimentaram esses ventos fortes de lutas. Acredito que não tenham se esquecido do último sete de setembro, o Grito dos Excluídos de Rio das Ostras. O grito foi tão ensurdecedor que fez o prefeito sair zonzo, calado e derrotado de seu palanque. Essa voz já se levantou em outros momentos como no 15-O, como a Marcha da Maconha, Marcha da Liberdade, nas grandes manifestações protagonizadas pela comunidade universitária da UFF, nas mais de 500 pessoas que foram às ruas protestar contra as quatro secretarias falcatruas que foram criadas. Ainda assim tentarão dizer que esses movimentos são vazios.

Dirão que esses do PSOL são só uns pobres jovens sonhadores, que a política não é para eles. Que não se chega a lugar nenhum sem aliança e coligação. Que a política sempre foi assim, que sem gastar uma dinheirama não se elege. Repetirão centenas de vezes que só um deles tem chance de ganhar, que votar no PSOL é desperdiçar o voto.  Que é impossível fazer diferente! Que eles sabem como fazer política.

Em todo esse contexto a candidatura do PSOL representa a esperança.

É a mais singela expressão de que nada deve parecer impossível de mudar.

Comentários desativados em Nada Deve Parecer Impossível De Mudar

Rio terá reserva adaptada para receber turistas com necessidades especiais que acompanharão Paraolimpíadas

Posted in Cidade, Esporte, Meio Ambiente, Outras Fontes by ImprensaBR on 24/04/2012
  • Flávia Villela

Rio de Janeiro – A Reserva Biológica União (Rebio União), na região das baixadas litorâneas do estado do Rio de Janeiro, vai passar por obras de acessibilidade para que portadores de necessidades especiais possam passear por cerca de mil dos 3,3 mil metros da trilha do Pilão, no interior da reserva.

O chefe da reserva, Whitson José da Costa Jr., afirmou que a nova trilha, além de atender à população do estado, servirá de espaço de lazer para os turistas brasileiros e do exterior com necessidades especiais que acompanharão as Paraolimpíadas de 2016, evento que ocorrerá após os Jogos Olímpicos, também sediados no Rio. Ele explicou que a ideia do projeto surgiu depois que uma instituição para pessoas com deficiência motora solicitou uma visita à reserva.

“Foi então que vimos quão despreparados estávamos para receber esse público. Após estudo, descobrimos que 14% da população brasileira têm algum tipo de deficiência física e que só na região da reserva vivem cerca de 50 mil pessoas com algum tipo de necessidade especial, privadas de conhecer essas reservas naturais porque não têm acesso a elas”.

O projeto faz parte de um convênio, formalizado no início de abril entre o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que administra a Rebio União, a Secretaria do Ambiente do Rio de Janeiro (SEA/RJ) e o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio). As obras devem começar em junho e a previsão é que estejam prontas no fim do ano.

Com custo de R$ 311 mil, o projeto será financiado pela Secretaria do Ambiente e o Funbio ficará responsável por sua execução.

Além das obras de adaptação nos banheiros, no auditório e na área de exposições para garantir a acessibilidade, os primeiros 900 metros da trilha serão pavimentados e ganharão proteção nas laterais (guarda-corpo). O projeto também inclui a contratação de um profissional para divulgar o novo espaço e incentivar a visitação nas instituições que trabalham com portadores de necessidades especiais na região.

Haverá ainda um guia capacitado para receber visitantes com diferentes necessidades especiais. “O cego, por exemplo, poderá explorar o ambiente também pelo tato e pelo olfato com o auxílio do guia”, informou Whitson.

A Rebio União localiza-se nos municípios de Rio das Ostras, Casimiro de Abreu e Macaé e possui uma área de 2.548 hectares. Habitat do mico-leão-dourado, uma das espécies mais ameaçadas do mundo, a reserva fica a cerca de 160 quilômetros da capital fluminense e é considerada um dos maiores remanescentes de Mata Atlântica de baixada do estado ainda em bom estado de conservação.

Edição: Davi Oliveira

Repórter da Agência Brasil

Comentários desativados em Rio terá reserva adaptada para receber turistas com necessidades especiais que acompanharão Paraolimpíadas

Morador de Rio das Ostras participa de campanha em favor da permanência do jogador argentino Walter Montillo no Cruzeiro

Posted in Clipping: O que sai na mídia sobre Rio das Ostras, Esporte by ImprensaBR on 05/04/2012

Objeto de desejo, camisa de Montillo dificilmente é encontrada longe de BH

Ação de marketing do Cruzeiro para manter o craque ainda não emplacou

Jogada de marketing da nova diretoria do Cruzeiro, a camisa personalizada do argentino Walter Montillo tem sido vendida nas lojas para ajudar a manter o atleta na Toca da Raposa. Porém, os torcedores que moram longe de Belo Horizonte têm tido dificuldade para encontrar o objeto desejado.

É o caso do engenheiro Daniel Vecchia, de 24 anos, que mora em Imperatriz, interior do Maranhão. Mesmo distante de Minas, ele é sócio do futebol desde 2007 e compra camisas oficiais do Cruzeiro anualmente. No Nordeste desde outubro do ano passado, o torcedor tentou de todas as formas comprar o modelo atual com o nome de Montillo às costas, mas ainda não obteve sucesso.

”Este ano, para apoiar a atitude honrosa do presidente Gilvan de manter o Montillo e bater de frente com dirigentes e a imprensa do eixo Rio-São Paulo, queria abraçar essa causa. Queria contribuir de alguma forma, mas não consigo comprar a camisa do Montillo nem pela internet nem em lojas da cidade. Pretendo também, ainda este ano, comprar a branca, com o nome do Wallyson”, explicou o torcedor.

O mesmo aconteceu com o Tecnólogo em Redes Roberto Castro Filho. Ele mora em Rio das Ostras, Rio de Janeiro, e não encontrou a camisa personalizada de Montillo. “Acabei comprando a camisa comum mesmo, na pré-venda da internet, pois não tinha a opção do nome do Montillo”.

O caso do publicitário Alisson Guimarães, de 27 anos, é ainda mais complicado. Ele mora em Formiga, a somente 200 km da capital, e não encontrou a camisa de Montillo nem na internet nem nas lojas de esporte da cidade. O torcedor aguarda a oportunidade de adquirir o item.

“Pretendo comprar ainda. Primeiro porque o modelo da camisa ficou legal, apesar da aversão à logomarca do patrocinador. Segundo porque, a camisa agradando, é importante o torcedor ter consciência que, comprando a do Montillo, ele estará ajudando a manter o jogador no time, uma prática que não costuma ser adotada no Cruzeiro e que pode ser um novo caminho para deixar de vender seus principais jogadores”, explicou.

Mulheres não conseguem nem em BH

As torcedoras cruzeirenses que querem adquirir a camisa de Montillo também encontram dificuldade para comprar o item. Nesse caso, até mesmo as lojas de BH estão em falta com o produto. OSuperesportes apurou que o modelo na cor azul ainda não chegou às lojas da capital. A torcedora que quiser prestigiar o craque argentino, portanto, deverá comprar o uniforme branco.

”Gostei muito da camisa nova e gostaria de comprar, mas ainda não encontrei o modelo azul em nenhuma loja”, ratifica a profissional de relações públicas Mariana Gomes, de 25 anos.

Olympikus não vê problema de distribuição

Procurado pela reportagem, o diretor de marketing do Cruzeiro, Marcone Barbosa, transmitiu a versão da Olympikus a respeito dessa situação. Segundo o dirigente, as camisas chegam ao mercado de acordo com a demanda de compra dos revendedores e, por enquanto, não foi detectado problema de distribuição.

”Cada revendedor compra o que tem giro. Se por ventura o torcedor não encontra no mercado eletrônico ou em lojas, é porque o produto esgotou ou não houve demanda. A Olympikus nos informou que a fábrica e o abastecimento estão normais, a camisa está à venda na grade de pedidos dos representantes”, explicou Marcone.

”No caso das camisas femininas, a venda realmente demorou um pouco mais para ocorrer e essa situação estará normalizada a partida da próxima semana, quando também terá início a comercialização dos itens de moda casual da nova coleção”, completou.

Fonte: Superesportes

Comentários desativados em Morador de Rio das Ostras participa de campanha em favor da permanência do jogador argentino Walter Montillo no Cruzeiro

Rio das Ostras na lista das cidades que registraram morte por Dengue

Posted in Clipping: O que sai na mídia sobre Rio das Ostras, Esporte, Saúde by ImprensaBR on 05/04/2012

Dengue: números apontam epidemia em Niterói, SG, Itaboraí e Maricá

Em Maricá, governo nega e tenta mascarar problema

Os números de casos suspeitos de dengue aumentam, semanalmente, na Região Leste Fluminense. As autoridades ainda não falam em epidemia para as cidades de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá, mas os números apontam para esse quadro na maioria delas. As cidades juntas registram 5.672 casos suspeitos de dengue acumulados entre o início do ano e na última quarta-feira e seis mortes pela doença confirmadas, cinco em São Gonçalo e uma em Maricá. E, quando calculada a taxa de incidência, utilizando a relação do número de casos suspeitos da doença com o número da população, o resultado coloca na classificação de epidemia Niterói, Itaboraí e Maricá.

O Ministério da Saúde classifica como epidemia quando a taxa de incidência em uma cidade passa de 300 casos de suspeita da doença por 100 mil habitantes. A cidade de Niterói está com a taxa de incidência de 337 casos suspeitos notificados por 100 mil habitantes, considerando dados do último levantamento da Secretaria Estadual de Saúde. O que já pode ser considerado um caso de epidemia.
Em pior situação está Itaboraí e Maricá, ambas apresentam uma taxa de incidência muito alta, 646 e 542, respectivamente. São Gonçalo, apesar de ter o maior número acumulado do ano de casos suspeitos de dengue, 1924 notificações, tem uma taxa de incidência moderada, de 192 casos por 100 mil habitantes, por causa da grande população (999.900 habitantes).
O infectologista Edmilson Migowski, do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), diz que, apesar de as cidades só terem atingido este número de casos agora, elas já devem estar vivendo o quadro de epidemia há algumas semanas.
“Historicamente, apenas 10% de casos de doença são notificados. Se levarmos em consideração que os casos leves de dengue não são notificados e apenas um terço da população apresenta sintomas que permitem que o médico diagnostique a doença, este número divulgado corresponde a 30 vezes menor que o número real”, diz Migowski.
O especialista acredita que a subnotificação ocorre por falta de um sistema informatizado e médicos muito atarefados que não possuem tempo para fazer a notificação. Para ele, os números de 2011 assustam.
“Este ano é diferente, além do número alto de contaminação, foi registrado no país um novo tipo da doença, o tipo 4, e a existência de uma população vulnerável, que já foi previamente exposta aos outros tipos, pode criar um caso de letalidade maior do que visto antes”, explica o infectologista.
A Secretaria estadual de Saúde não considera que as cidades da Região Leste Fluminense estejam em situação de epidemia. O motivo é que os critérios para avaliar um quadro de epidemia no Estado, vão além da relação número de casos e população, considerando também itens como a série histórica de casos notificados e se a curva de incidência se sustenta ao longo do tempo. Ainda de acordo com a secretaria, neste momento, Maricá, Niterói, São Gonçalo e Itaboraí não estão com epidemia e nem correm o risco de estar nessa situação.
Critérios diferentes
No final de março, a Prefeitura do Rio alterou seus critérios para definir a taxa de incidência de epidemia da dengue. Antes do novo método, 14 bairros estavam sob alerta de surto, com a mudança todos os bairros saíram desta condição. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro acrescentou o item de tendência ininterrupta de alta dos casos nas últimas cinco semanas, descaracterizando a situação de epidemia nos bairros da cidade. Atualmente a cidade do Rio de Janeiro tem 21.915 casos suspeitos notificados.
O critério da Organização Mundial da Saúde, seguido pelo Ministério da Saúde (MS), considera que existe epidemia quando há mais de 300 casos por 100 mil habitantes. O MS informou que os Estados e municípios têm autonomia para definir suas metodologias, desde que informe o número de casos suspeitos notificados.
No Estado são 56.882 casos suspeitos notificados e 39 mortes confirmadas. O maior número de casos está na capital: 13. Foram registradas ainda mortes em São Gonçalo (cinco), São João do Meriti (quatro), Nova Iguaçu e Duque de Caxias (três cada um), Magé e Mesquita (duas). Cabo Frio, Maricá, São José do Vale do Rio Preto, Bom Jesus de Itabapoana, Itaocara, Itaperuna e Rio das Ostras tiveram as outras ocorrências.

Fonte: Maricá Info

Comentários desativados em Rio das Ostras na lista das cidades que registraram morte por Dengue

Atleta mirim da escolinha de futebol do Fluminense de Rio das Ostras é manchete na imprensa depois de ganhar autógrafos de Fred e Thiago Neves

Posted in Cidade, Esporte, Observatório da Imprensa Local by ImprensaBR on 27/02/2012

Lágrimas sensibilizam funcionários, e criança tricolor conhece ídolos

Yuri Mateus, de 10 anos, ganha chance de entrar no ônibus da delegação, carregado por Diguinho, e tira fotos com Fred e Thiago Neves

A compra de ingressos nas Laranjeiras para a final da Taça Guanabara entre Fluminense e Vasco, domingo, às 16h (de Brasília), seguia com tranquilidade, próxima ao horário de saída do ônibus com os jogadores da sede do clube para a concentração. Até que o choro de um menino chamou a atenção. Ele queria tirar foto com seus ídolos e, ao perceber que não conseguiria, debulhou-se em lágrimas.

A paixão pura de Yuri Mateus, de 10 anos, sensibilizou os funcionários do clube que cuidavam da venda de ingressos. Ele ganhou uma chance de ouro de entrar no ônibus do Fluminense, carregado por Diguinho, para tirar fotos e ganhar autógrafos de seus ídolos, principalmente Fred e Thiago Neves.

Acompanhado da mãe, Anigmara Garcia, Yuri chegou de Rio das Ostras especialmente para acompanhar os treinamentos do Fluminense nos dias que antecedem a final da Taça Guanabara. Na sexta-feira, foi bem recebido no portão do estacionamento por alguns jogadores, mas não encontrou Fred e Thiago Neves. Desta vez, conseguiu.

– Fiquei muito triste quando o Thiago Neves foi para o Flamengo. Agora, estou feliz novamente – disse Yuri, sem conseguir conter as lágrimas e tremendo de nervosismo depois do encontro com os ídolos. – Se um dia eu for jogador, e o Flamengo quiser me contratar, pode pagar o que for. Eu não vou.

Volante em uma escolinha do Fluminense em Rio das Ostras, Yuri se dedica em campo da mesma forma como faz na torcida. Seus pais, temerosos pela sua saúde, sequer cogitaram levar o menino ao Engenhão no domingo, mas começam a planejar a primeira vez do jovem torcedor em uma decisão.

– Ele passa mal. Num jogo em Macaé (contra o Cabofriense, no Carioca de 2011), ele gritava desesperadamente. Foi a única vez que o levamos. O Yuri é assim, muito emotivo. No time da escolinha, quando um jogo estava empatado, correu tanto uma vez em campo que chegou a desmaiar. A gente fica preocupado – disse Anigmara, hospedada na casa de uma prima no Rio de Janeiro.

Ao entrar no ônibus, Yuri foi rapidamente reconhecido por Rafael Sobis e Bruno, que na sexta-feira tentou consolar o garoto, que não conseguiu contato com alguns jogadores, na saída das Laranjeiras. Com Diguinho como espelho para o seu futuro, sonha vestir a camisa do Fluminense – e a mãe garante que ele é uma promessa.

– Ele joga muito. E não é por ser meu filho – brincou Anigmara, que só não gostou da atitude de Deco e Rafael Moura na sexta-feira. – Eles nem abriram o vidro do carro. Se o Yuri não saísse da frente rapidamente, poderia ter sido atropelado.

Fonte: Globo Esporte

Comentários desativados em Atleta mirim da escolinha de futebol do Fluminense de Rio das Ostras é manchete na imprensa depois de ganhar autógrafos de Fred e Thiago Neves

Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia a ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO durante a Semana de Cultura Afro-Brasileira

Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO, na Semana de Cultura Afro-Brasileira do Polo.

Rio das Ostras – Lamentavelmente uma intervenção artística que consistia na pintura de um muro da cidade acabou em desgaste para professores e alunos do PURO e para os artistas convidados pelos organizadores do projeto ‘1a Semana de Cultura Afro-Brasileira de Rio das Ostras’, promovido interdisciplinarmente por docentes e discentes do Polo.

A Semana contou com diversas atividades, dentre as quais, destacamos a presença do grupo de jongueiros ‘Tambores da Machadinha’, de Quissamã, que coroou a todos os presentes na noite de 17 último com uma apresentação visceral, ensinando a professores, alunos e comunidade o valor que precisamos dar à cultura popular brasileira, afro-brasileira. Referências tão próximas e tão distanciadas de nosso cotidiano vieram à tona ali no ‘terreirão do PURO’… Lindo! O jongo deixou a todos inebriados, energizados, enigmatizados, revigorados e prontos para enfrentar qualquer coisa que viesse à frente. Os tambores da machadinha são muito fortes!

Sexta-feira, de manhã, depois de toda a energia compartilhada na noite anterior, levantei cedo como de praxe para honrar os compromissos da extensa agenda da jornalista encarnada em mim… e segui para mais um dia cheio, daqueles, em Macaé. A pauta era um seminário (falcatrua!!!!) de cultura promovido pela Fundação Macaé de Cultura, que reuniu meia dúzia de gatos pingados em torno de um projeto já pronto pela prefeitura e pela Fundação. Gastei meu tempo… mas aprendi alguma coisa… sobre as quais não vem ao caso agora…

Não poderia cobrir o último dia da Semana de Cultura Afro-Brasileira, mas fui ao PURO entregar dois filmes – O vento forte do levante e Clementina de Jesus, a Rainha Quelé – para serem apresentados na sessão de cinema, durante à tarde, na agenda da Semana.

Jornalista de plantão, obviamente aproveitei o ensejo e papeei um tantinho com os dois desenhistas que estavam esboçando uma ilustração no muro de fora do PURO, para pintarem em cima, depois. O muro fica em frente ao cruzamento da avenida dos Bandeirantes com a rua Recife, no Jardim Bela Vista. Quem não conhece? Em frente rola há anos um ponto de prostituição que a fiscalização também, há anos, finge não ver…

Descobri ali dois rapazes, dois brasileiros famintos por conhecimento, por educação, por arte, por liberdade, por cultura, por um espaço para expressarem sua maneira de perceber o contexto no qual estão inseridos…

Sempre correndo, abracei esses brasileiros, agradeci o depoimento que me deram em vídeo e embarquei rumo a Macaé para o seminário falcatrua.

Surpreendentemente, abrindo o facebook horas mais tarde, li um post chocante, o qual me faz estar aqui, agora.

Não sei se posso replicá-lo, mas basicamente ele comenta o final trágico e triste que teve a atividade da pintura no muro do PURO.

Os artistas que estavam ali convidados, trabalhando, os alunos e organizadores da Semana de Cultura Afro-Brasileira, a comunidade, eu, todos foram afrontados e constrangidos diante de tamanha falta de educação, bom senso e, sobretudo, de cultura dos gestores públicos de Rio das Ostras.

Agressivamente, segundo fontes, uma junta de fiscais, guardas municipais e até policiais militares abordaram os jovens artistas enquanto pintavam o muro – a ilustração remetia à diversidade étnica e à valorização da cultura afro-brasileira –

As cores usadas na pintura eram o vermelho, amarelo, verde e preto… cores da bandeira da áfrica… só que para os aculturados que os abordaram, provavelmente o tema envolvido era maconha e Bob Marley. Antas!

Criaram uma cena horrível no local, um local onde brotava a liberdade de expressão, a arte, a inocência… agrediram pessoas que trabalhavam e ameaçaram processar a universidade por danos ao patrimônio. De arrepiar!

O Polifônico repudia a atitude dos responsáveis por esta ação vergonhosa. Vemos uma cidade que deseja tanto prestar-se ao arranjo produtivo do turismo, mas permanece cega as suas próprias linhas conceituais, metodológicas, enfim… O que acontece na cidade não fica só aqui e as belas propagandas que só aqui são veiculadas, ao contrário das páginas online d’O Polifônico, não são exibidas em nível nacional… tampouco fora do Brasil… sendo assim, esta mesma prefeitura, que tenta vender ao máximo a imagem de cidade do progresso, despreza incoerentemente a imagem negativa que passa Brasil à dentro e mundo à fora sobre o que de fato acontece nesta ilha imperial.

Hoje cedo recebi um email de um dos rapazes que conheci naquela manhã, pronto para mostrar ao mundo sua arte. Este e-mail também me traz aqui, agora.

“Venho aqui para falar que fui totalmente repudiado pela guarda municipal, em relação aquela linda homenagem que estávamos fazendo no muro do PURO. Foram feitas duas abordagens: primeiro vieram dois guardas na viatura, mas só fizeram algumas  perguntas e foram embora. Depois vieram nos dois cidadãos à paisana (que trabalham na guarda) chegaram de forma totalmente grosseira, sem manter o mínimo de respeito na comunicação já chegaram  me oprimindo nem me deram bom dia !!! Não sei o que eles viram em meus olhos mas seja lá o que foi pelo visto não gostaram muito pois não pararam de olhar-me dos pés a cabeça. Por eu e meu amigo pedir para eles se identificarem eles chegaram em certo ponto a dizer que poderia nos levar presos, pois alegavam que o trabalho artístico que ali estava sendo feito era crime(Homenagem ao dia 20 de novembro )  não sei a que se aplicaria o poder ali mas estava ali dando minha contribuição livre, e voluntaria, Junto aos organizadores do evento, e minha arte foi totalmente repudiada pelo poder publico, olha tem uma aluna que tem um vídeo que mostra a hora em que finalizamos a arte, e que pode ajudar depois vejo e arrumo….  “Não aguento mais essa ausência de respeito e incentivo à  cultura por parte das autoridades.”

Prefiro não dizer qual deles assina o e-mail para não expô-lo. Publico os depoimentos de ambos os artistas com quem conversei naquela manhã (antes do ocorrido – em vídeo) e a fala de indignação de um deles (enviada à redação do jornal O Polifônico via e-mail). Tirem suas impressões.

Diante deste cenário imoral de atuação dos gestores públicos, estimulo os envolvidos no episódio (refiro-me aos artistas e comunidade acadêmica, sociedade sempre!!!) a redigirem com seus termos (eu não presenciei o fato) uma nota de repúdio à ação da Prefeitura de Rio das Ostras no caso, para publicizarmos através deste jornal e em todas as redes possíveis!!!!!

Precisamos gerar o desconforto necessário demandado por essa gangue e passar a mostrar para o mundo como agem esses ratos. Creio que seja mais uma forma de nos articularmos contra posturas oriundas de ações repressivas e cerceadoras, além, é claro, de podermos causar grande incômodo aos que armaram essa armadilha sinistra, divulgando ao mundo como preferem ‘trabalhar’.

Não imagino, de fato, qual seja o sentido, o entendimento, que esta prefeitura tem por ‘cultura’, mas posso afirmar uma coisa: a única cultura que ela conhece é a do temor, do medo, do assédio.

Lamento, minha amada Riodas… o que estão fazendo com você. Lamento, pessoal da Semana de Cultura Afro-Brasileira. Vivi com vocês momentos mágicos e inesquecíveis durante a semana toda e é muito triste acompanhar o que estão fazendo com vocês, com o Polo, com o ganha pão de todos vocês, de todos nós. Lamento, estudantes, por vocês estudarem numa cidade que tem gestores públicos tão irresponsáveis como Rio das Ostras têm, sempre teve… lamento, mas não fico só me lamentando… estamos todos em ação e por isso mesmo incomodamos.

Engulam-nos vivos e absorvam ao menos nossos pensamentos e nossas maneiras de raciocinar. Isso já seria uma prerrogativa menos escrota.

Contem comigo e com o jornal O Polifônico para mais esta batalha!

Preciso de vocês fortes e com vigor!!! Todos vocês! Rumo à 2ª Semana de Cultura Afro-Brasileira de Rio das Ostras!!!

Salve o cinema brasileiro!

Leonor Bianchi

Os entrevistados cederam uso de áudio e vídeo ao jornal.

 

Comentários desativados em Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia a ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO durante a Semana de Cultura Afro-Brasileira

Para que serve uma praça?

Para exibir ricas lajotas e deixar o vento correr entre escassas moitas ou para as pessoas se encontrarem, para compartilhar momentos de lazer, para levar às ruas nossas idéias? 

Somos da parte das gentes que acreditam que as praças devem ser ocupadas, que as idéias devem ali ser divididas e construídas, que as brincadeiras tenham nela espaço, que nela esteja refletido a identidade da comunidade que habita seu entorno. A praça é espaço lúdico, é político, cultural, espaço de produção de subjetividades e de contrução coletiva de sentidos.

Em Rio das Ostras temos uma praça bem no centro da cidade chamada José Pereira Câmara, que não conta com uma árvore para fazer sombra (tem palmeiras de R$5 mil, moitinhas, mas sombra de árvore num tem não) mas tem de chão lisinho, tem monumento turístico, tem transporte facilitado nos arredores, vista para o mar e uma satisfatória iluminação pública. O espaço foi por muito tempo apenas um cartão postal, uma praça de passagem, que nem banco tinha… Vieram os bancos, veio o tempo também, mais um monte de gente pra cidade e um tanto de gente, dessas que vieram e das que aqui já estavam, começou a dar um sentido maior que foto pra catálogo e ponto de ônibus. Um pessoal passou a se reunir ali para dançar: cultura hip hop presente, lindo. Religiosos passam por ali, se reúnem, fazem atividades litúrgicas. Lindo. Um outro pessoal também chegou, galera do skate, esporte radical no qual Rio das Ostras tem significante representação. Os adolescentes, as famílias, os grupos políticos com assembléias e manifestações. Lindo: apesar de ainda não ter sombra a praça ganhou vida, ganhou sentido.

Nessa última sexta feira, dia 14 de outubro, estávamos exercendo nossa vida “pracenta”: dança, skate, famílias, pipoqueiros, um grupo preparando cartazes para um ato político marcado para o dia seguinte naquele local, estudantes de teatro no intervalo de seu ensaio, namorados, pequenas crianças olhando a água que cai do balde do monumento. Não havia nenhuma confusão, nenhum ato agressivo, os diferentes grupos interagiam tranquilamente… Até que a Guarda Municipal do nosso município decidiu nos dar uma dose de controle e moralismo.
Um GM abordou inicialmente um dos rapazes skatistas mais velho, lhe dando a ordem de suspender as atividades do grupo e cada um recolher seus skates. O rapaz, muito consciente de não estar infringindo nenhuma lei, não respondeu com obediência e tão pouco passou aos colegas o ordenado inconsistente. O GM se afastou um pouco da praça até onde seu companheiro de trabalho o esperava em uma viatura – com ele falava que já tinha mandado, que já tinha falado e combinava um resposta à provável resistência. Minutos depois ele volta, aborda dessa vez uma criança de 12 anos, lhe segura agressivamente pelo braço e toma o skate de seus pés. A cena fez com que os amigos skatistas, o grupo político, os transeuntes se aglomerassem em torno do opressor para questionar a ação. A alegação: não pode andar de skate, eu já falei! Mas não pode por quê?
O primeiro argumento foi: tem a praça de skate, skatista tem que ficar lá. Lemos: lugar de skatista é no escuro, depredado, longe e associado à criminalidade. O outro argumento é: está machucando as pessoas. Sinceramente, nunca vimos um relato acerca disso e é um argumento aparentemente vazio para justificar a marginalização da prática e do grupo.

Rio das Ostras tem outras praças, tem inclusive uma Praça de Skate, mas nenhuma onde a mobilidade urbana permita o acesso como essa, nenhuma tão iluminada e visível ao ponto de os pais deixarem seus filhos se divertirem enquanto fazem suas atividades nas redondezas, nenhuma em condições de uso para o esporte. A Praça do Skate? Sem atenções e reparos do poder público está depredada (skate é um veículo de pequenas rodas que não funcionam muito bem numa superfície acidentada, consideremos), não tem iluminação que permita segurança e os freqüentadores narram que há grupos agressivos que dominam o espaço, que utilizam como querem a custas de ameaças, que há tráfico de drogas no local. E é afastado, claro. Agora reflita conosco: seu filho de 12 anos quer se divertir na praça, em qual dessas você permitiria que realizasse esse desejo?

Um guarda pode abordar uma criança dessa forma sem a presença do conselho tutelar? A guarda municipal tem poder de apreensão de objetos pessoais sem a evidência de um crime e sem a posse de um mandato? As regras municipais são definidas por leis ou pelo “bom senso” do primeiro que se sentir nesse direito? Cabe à Guarda Municipal a repressão de uma manifestação esportiva e cultural legal e pacífica? Despessoalizando (pois temos a compreensão que o GM repressor é mais um oprimido exercendo sobre nós uma das propriedades do capitalismo), que espécie de ordem é essa que a Secretaria de Ordem Pública dá aos servidores que trabalham para o seu funcionamento? Rio das Ostras tem ocorrências freqüentes de assaltos, estupros, atropelamentos, invasões de domicílio e a preocupação é com os adolescentes exercendo pacificamente o direito de ir e vir?

Não admitimos esse tratamento. Não legitimamos a perseguição preconceituosa a determinada cultura, não legitimamos uma praça destinada a turistas e proibida à comunidade local.

Queremos que o direito a cidade seja de todos. E os skatistas querem ter suas necessidades de cidade atendidas também, querem a Praça do Skate revitalizada e segura, querem um espaço no centro da cidade com rampas e uma superfície satisfatória para a prática do esporte (que tal transformar aquela área do medidos de marés da praça São Pedro em um espaço útil?), querem espaços de expressão e transmissão de conhecimento, querem ser tratados com respeito pelo poder público, querem reconhecimento.

O GM pediu desculpas ao pai do garoto, hoje alguns jovens andavam com seus skates pela praça sem abordagem alguma de corporações de controle… Mas isso não resolve a questão.

Texto: Coletivo Tecendo o Amanhã.

Fotos: Pomy Yara

Devemos fazer uma parte acerca da Guarda Municipal. Não estamos aqui apontando como problema a ação de um guarda específico. O problema é de como se dá a gestão pública em Rio das Ostras. Somos governados por coronéis que escolhem capatazes para cada secretaria e que por sua vez tira novos capatazes para lidar diretamente com os servidores. É uma gestão em que impera o medo, o assédio moral, o controle político por rédeas que se desenham na ameaça de perder benefícios, na progressão salarial que depende da boa avaliação do seu chefe imediato (os referidos capatazes). A Guarda Municipal é diariamente assediada, os guardas recebem um volume imenso de inquéritos administrativos absurdos (desde necessidade fisiológicas inevitáveis a bater palma para o colega que discursa sobre a morte de um companheiro em serviço). Os GMs fazem parte de nós, somos eles também e por eles também gritamos: basta de opressão.  

Ver a respeito: http://sindservro.files.wordpress.com/2011/05/campanha_gm_maio_21011_site.pdf

Comentários desativados em Para que serve uma praça?

Prefeitura de Casimiro de Abreu investe em novos equipamentos para a prática de rafting

Posted in Esporte, Região by ImprensaBR on 12/05/2011

Com dois anos de atividades, a escolinha de rafting da Prefeitura de Casimiro de Abreu ganhou reforços. A parceria da Secretaria de Esporte e Lazer com a ViaNativa na localidade de Figueira Branca conta agora com seis novos botes infláveis para a prática do remo nas corredeiras do rio Macaé. O investimento de quase R$26 mil favorece os 50 alunos da escola. O prefeito Antônio Marcos fez a entrega dos novos equipamentos. (more…)

Comentários desativados em Prefeitura de Casimiro de Abreu investe em novos equipamentos para a prática de rafting

Rio das Ostras goleia a Austrália no amistoso internacional de futebol

Posted in Esporte by ImprensaBR on 19/04/2011

Atletas riostrenses conseguiram quatro vitórias nas categorias Sub-15 e Sub-17
 
No país do futebol, os atletas riostrenses do projeto Criança no Esporte da Secretaria de Esporte e Lazer não deram chances para os australianos e venceram as duas partidas amistosas, nas categorias Sub-15 e Sub-17, contra os jovens do Colégio Knox Grammar School. (more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras goleia a Austrália no amistoso internacional de futebol

2º Open de Frescobol de Rio das Ostras vai movimentar a Praia de Costazul

Posted in Esporte by ImprensaBR on 19/04/2011

Competição acontece no próximo final de semana, dias 22 e 23
 
A Secretaria de Esporte e Lazer vai promover, nos dias 22 e 23 de abril, sexta e sábado, na Praia de Costazul, a partir das 8h, o 2º Open de Frescobol de Rio das Ostras. O torneio será realizado em cinco categorias: amador e profissional, mistas e masculinas; e feminina. As inscrições podem ser feitas na hora e a previsão da organização é de que o torneio conte com 30 duplas da região.
Os atletas deverão jogar a uma distância mínima de sete metros. Cada jogo terá a duração de 5 minutos de bola viva no ar, cronometrado pelo árbitro central. A avaliação de cada dupla será feita pela soma da nota de cinco quesitos: potência, ataque, sequência, equilíbrio progressivo e destreza. Uma seqüência será interrompida quando a bola tocar o solo ou no corpo do atleta; a bola sair da arena sem que o atleta consiga devolvê-la; terminar o tempo da apresentação; e a bola tocar na raquete por mais de uma vez consecutiva (exceto o duplo-toque não intencional). Todos os atletas devem conhecer e obedecer essas regras, devendo se comportar com respeito e educação com os árbitros, com os dirigentes, com a equipe adversária, com os companheiros de equipe e com os espectadores.
Após as partidas será realizado, a partir das 19h, show com a banda Caosbanal.
O 2º Open de Frescobol de Rio das Ostras é uma realização da Prefeitura Municipal e tem organização da Associação Macaense de Frescobol.
 
Fonte: Secom PMRO

Comentários desativados em 2º Open de Frescobol de Rio das Ostras vai movimentar a Praia de Costazul

Alunos do Projeto Criança no Esporte de Rio das Ostras realizam amistoso internacional

Posted in Esporte by ImprensaBR on 16/04/2011

Jogos serão realizados contra equipes australianas
 
As equipes Sub15 e Sub17 do Projeto Criança no Esporte da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras vão realizar, nos próximos dias 15 e 17 de abril, amistosos internacionais com duas equipes australianas, representadas pelo colégio Knox Grammar School. O objetivo dos amistosos é promover um intercâmbio entre os atletas riostrenses e as equipes australianas.
Na sexta-feira, os jogos serão realizados no Estádio Julieta Carvalho Viana, no Operário. A primeira partida será da equipe Sub15, a partir das 15h. Em seguida, entram em campo os atletas da Sub17.
No domingo, dia 17, as partidas serão no Estádio Emília Rosa Guimarães, no Jardim Mariléa. A equipe Sub15 será a primeira a jogar a partir das 14h. O jogo do Sub17 será a partir das 16h.

Fonte: Secom PMRO

Comentários desativados em Alunos do Projeto Criança no Esporte de Rio das Ostras realizam amistoso internacional

Posted in Cidade, Esporte by ImprensaBR on 08/04/2011

Comentários desativados em

Audax reúne mais de 110 ciclistas em Rio das Ostras para prova internacional

Posted in Esporte by ImprensaBR on 23/02/2011

Próximo evento será em março com percurso de 300km
 
Mais de 110 ciclistas participaram no último domingo, dia 20, da prova Audax Rio 200km. Os ciclistas saíram de Rio das Ostras, passaram por Barra de São João, foram a Quissamã e voltaram ao município, passando por Cantagalo. A largada foi às 6h da manhã, na Tocolândia, em Costazul. Como a prova não é competitiva, o desafio foi percorrer a distância no prazo estipulado pela organização, no período de 13h30, e conseguir o “brevet” para as próximas provas eliminatórias, antes da principal que será realizada em Paris com um percurso de 1200km, em um desafio de 96h.
De acordo com a organização, esta foi a melhor prova do Audax realizada em todo o Rio de Janeiro porque contou com total apoio da prefeitura, que garantiu todas a infraestrutura para a realização do evento.  “O apoio que a administração municipal nos deu foi fantástico. Nunca tivemos tanto apoio. A secretaria de Comunicação Social com a divulgação, a de Turismo com o apoio logístico e a Guarda Municipal que nos escoltou por todo o percurso do município foram nossas parceiras e também merecem os créditos pelo sucesso do evento que, nesta edição, contou com o maior número de inscritos e de pessoas que completaram a prova”, explicou o coordenador da prova, Thiago Gomes. (more…)

Comentários desativados em Audax reúne mais de 110 ciclistas em Rio das Ostras para prova internacional

Prova internacional de ciclismo em Rio das Ostras

Posted in Cidade, Esporte by ImprensaBR on 24/01/2011

Comentários desativados em Prova internacional de ciclismo em Rio das Ostras

Rio das Ostras vai sediar etapa final do Campeonato Estadual de Motocross

Posted in Esporte by ImprensaBR on 01/12/2010

Prova será realizada dia 5 na pista de Rocha Leão
Os motores vão roncar no próximo domingo, dia 5, em Rocha Leão, com a realização da última etapa do Campeonato Estadual de Motocross. Os melhores pilotos do circuito vão decidir o título 2010 na melhor pista do Estado do Rio de Janeiro. Os treinos oficiais cronometrados estão previstos para a parte da manhã, a partir das 10h. As provas começarão a partir das 14h.

(more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras vai sediar etapa final do Campeonato Estadual de Motocross

Projeto Natação no Mar de Rio das Ostras comemora 5 anos com festival

Posted in Esporte by ImprensaBR on 01/12/2010

Festa terá travessias, batizado, música e muita animação
A Praia do Cemitério vai se transformar, no próximo sábado, dia 4, em um grande palco para a festa de cinco anos da Escola de Natação no Mar da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras.
A programação é variada; com travessias, batizado e apresentação dos trabalhos dos Projetos Maré Verde e Maré de Artes e da Orquestra de Sopro e Cordas da Escola Casulo, sob a regência do Maestro Celsinho.
O Projeto Natação no Mar vai muito além da natação e da prática esportiva, é uma ação com um impacto direto na qualidade de vida das pessoas, influindo diretamente e profundamente na saúde das pessoas. Artrite, dores crônicas, reumáticas, de coluna, lombares, sedentarismo, depressão e outros males que afligem o ser humano moderno na correria do dia a dia fazem parte do passado dos alunos.
De acordo com a coordenadora do projeto, professora Izabel Thomas, a Escola de Natação no Mar é, acima de tudo, uma grande família. “Aqui nos preocupamos não só com a prática desportiva, mas com o bem estar do aluno. Além de ensinar a forma correta de cada estilo, valorizamos a preservação do meio ambiente, o respeito ao próximo e às diferenças”, declarou.
A programação começa às 8h com a realização do Festival de Travessias, no qual  os alunos são incentivados a superar seus limites. Acompanhados de padrinhos, os atletas vão nadar percursos de 200m, 400m, 800m e 1.200m. Também haverá exposição dos trabalhos realizados pela ONG MARE, fruto da união e comprometimento dos alunos Natação no Mar, com apresentação dos Projetos Maré Verde e Maré de Artes. Finalizando a manhã está previsto a apresentação da Orquestra de Sopro e Cordas da Escola Casulo, com o Maestro Celsinho.
À noite, a partir das 19h, haverá uma grande festa com música ao vivo com a participação de amigos do Projeto como Tatá Costa, Cal Barros e Alexandre Bagan entre outros. Durante a festa,o público assistirá a um vídeo com fotos e filmes dos cinco anos do Projeto, desde seu início até os dias atuais.

Fonte: Secom PMRO

Comentários desativados em Projeto Natação no Mar de Rio das Ostras comemora 5 anos com festival

Rio das Ostras domina etapa final do Circuito Estadual de Águas Abertas 2010

Posted in Esporte by ImprensaBR on 01/12/2010

Equipes do município ficaram com o 1º e 2º lugares no geral

Os atletas riostrenses fizeram valer o conhecimento do litoral e se destacaram na XIII Travessia Dia Verão, última etapa do Circuito Estadual de Águas Abertas 2010, realizada no último domingo, na Praia do Centro. As equipes da Aquática Dejamo e do Projeto Natação no Mar ficaram com a 1ª e 2ª colocações, respectivamente, na Travessia de 5km.

Na Mini Travessia, de 1,5km, o pódio por equipe foi todo riostrense: em 1º ficou Escola do Mar, em 2º, Natação no Mar e em 3º, Aquática Dejamo. (more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras domina etapa final do Circuito Estadual de Águas Abertas 2010

Caminha em Mar do Norte acontece neste domingo

Posted in Cidade, Esporte, Meio Ambiente, Turismo by ImprensaBR on 22/10/2010

Comentários desativados em Caminha em Mar do Norte acontece neste domingo

Copa internacional de futebol em Rio das Ostras promove integração entre os atletas

Posted in Esporte by ImprensaBR on 04/08/2010

Alunos das escolinhas do município se destacam no I Torneio Internacional Rio das Ostras Soccer Cup 2010

Terminou no último dia 31 o I Torneio Internacional Rio das Ostras Soccer Cup 2010, que reuniu atletas de até 17 anos de clubes nacionais e do exterior. Os alunos das escolinhas da Prefeitura de Rio das Ostras se destacaram, conquistando boas colocações em diferentes categorias. A competição promoveu a integração entre os atletas brasileiros e latino-americanos e mostrou a importância do esporte na cidade. (more…)

Comentários desativados em Copa internacional de futebol em Rio das Ostras promove integração entre os atletas

Atletas de ginástica rítmica de Rio das Ostras se destacam no Campeonato Estadual

Posted in Esporte by ImprensaBR on 29/07/2010

No sábado,dia 17 de julho, a equipe de Ginástica Rítmica da Prefeitura de Rio das Ostras (GIRO), sob os comandos da professora técnica Milena Miranda, conquistou o 3º lugar na categoria adulto, com a ginasta Gabrielle Ferreira, na I Etapa do Campeonato Estadual de Ginástica Rítmica A competição aconteceu no Rio de Janeiroe foi organizada pela Federação de Ginástica  Rítmica do Estado.

A equipe contou ainda com as atletas Vitória Carolinny e Jéssica Bravin, que obtiveram ótimas pontuações para a disputa de medalhas nas próximas etapas do Estadual, que acontecerão até outubro.

Na foto: Vitória Carolinny, Milena Miranda e Jéssica Bravin no dia da competição

Comentários desativados em Atletas de ginástica rítmica de Rio das Ostras se destacam no Campeonato Estadual

Começa neste domingo copa internacional de futebol em Rio das Ostras

Posted in Esporte by ImprensaBR on 20/07/2010

Cidade vai receber atletas de futebol de várias cidades do País e do exterior

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Rio das Ostras, em parceria com a empresa Soccer do Brasil Futebol Internacional, promove, de 25 a 31 de julho, o 1º Torneio Internacional Rio das Ostras Soccer Cup 2010. O evento vai reunir cerca de 800 atletas, de até 17 anos, de escolas de futebol de grandes times, como Flamengo, Fluminense, São Paulo, entre outros. As partidas acontecem, de 8h às 17h, nos estádios Municipais Emília Rosa Guimarães, em Jardim Mariléa, e Julieta Carvalho Vianna, no Operário e do Palmital. A entrada é franca. (more…)

Comentários desativados em Começa neste domingo copa internacional de futebol em Rio das Ostras

Rio das Ostras realiza caminhada na zona rural

Posted in Esporte, Meio Ambiente by ImprensaBR on 24/06/2010

Cerca de 200 caminhantes participaram na manhã do último domingo, dia 20, da Caminhada na Natureza do Circuito Eco Rural de Rio das Ostras. O evento mobilizou a comunidade de Cantagalo.

(more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras realiza caminhada na zona rural

Alunos do Projeto Um Bem Maior se destacam no 17º Campeonato Estadual de Kung Fu

Posted in Esporte by ImprensaBR on 22/06/2010

A equipe do Projeto Social Um Bem Maior, da Secretaria de Bem-Estar Social, teve um grande destaque no 17º Campeonato Estadual de Kung Fu 2010, promovido pela Federação de Kung Fu Wushu, conquistando 14 medalhas, sendo 10 de ouro, 3 de prata e uma de bronze. (more…)

Comentários desativados em Alunos do Projeto Um Bem Maior se destacam no 17º Campeonato Estadual de Kung Fu

Posted in Esporte by ImprensaBR on 16/06/2010

Etapa Rio das Ostras da corrida ciclística Audax Rio reúne atletas de todo o Estado

Desafio foi percorrer 300 km até Barra do Furado e voltar à cidade

No último sábado, dia 12 de junho, 18 ciclistas de todo o Estado do Rio participaram da Etapa Rio das Ostras do Audax Rio, prova ciclística de longa distância criada na França em 1891 na qual não existem adversários. O objetivo é que cada atleta supere seu próprio limite, percorrendo os 300 km de prova, no menor tempo possível. (more…)

Comentários desativados em

Rio das Ostras promove I Circuito Fluminense de Corrida Rústica

Posted in Esporte by ImprensaBR on 28/05/2010

Inscrições já estão abertas
 
A Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras promove no próximo dia 6 de junho o I Circuito Fluminense de Corrida Rústica. O evento prevê uma corrida de 10km para adultos, corrida de 50 e 100 metros para as crianças e caminhada de 5 km. As inscrições estão abertas e podem ser feitas na Corpo Academia, no site da Federação de Atletismo (www.atletismorio.com.br) ou pelo e-mail da Luz Eventos (luzeventos@terra.com.br). (more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras promove I Circuito Fluminense de Corrida Rústica

Secretaria de Esporte e Lazer abre inscrições para a Escola de Vela e Projeto Superar Acqua

Posted in Esporte by ImprensaBR on 28/05/2010

Dois grandes projetos da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras estão com inscrições abertas para a temporada 2010: Escola de Vela e Superar Acqua.
O Projeto Superar Acqua é destinado a crianças a partir de 7 anos portadores de qualquer deficiência motora, física, mental ou cognitiva. Os interessados serão avaliados pela fisioterapeuta Danielle Vetto, coordenadora do projeto, no local das aulas, no Parque da Cidade, para depois encaminhá-los ao setor de inscrições da Secretaria. A avaliação é feita as terças e quintas-feiras, das 8h às 12h e das 14h às 16h30. (more…)

Comentários desativados em Secretaria de Esporte e Lazer abre inscrições para a Escola de Vela e Projeto Superar Acqua

Secretaria de Esporte e Lazer promove Torneio de Bodyboard

Posted in Esporte by ImprensaBR on 19/05/2010

A Praia de Costazul vai ficar bastante movimentada no próximo dia 29. A Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras vai promover o I Torneio da Escola de Bodyboard 2010. A competição, destinada aos alunos da própria escola e a atletas amadores de toda a região, está marcada para às 8h. (more…)

Comentários desativados em Secretaria de Esporte e Lazer promove Torneio de Bodyboard

I Campeonato de Frescobol de Rio das Ostras reuniu dezenas de praticantes da modalidade na Praia do Bosque

Posted in Esporte by ImprensaBR on 27/04/2010

Dezenas de atletas participaram no último final de semana, na Praia do Bosque, do I Campeonato de Frescobol de Frescobol de Rio das Ostras. A avaliação de cada dupla foi feita pela soma das notas de cinco quesitos: potência, ataque, sequência, equilíbrio progressivo e destreza.
A realização do I Campeonato de Frescobol de Rio das Ostras foi da Prefeitura e a organização da Associação Macaense de Frescobol.
A seguir o resultado final do da competição:
 
DUPLAS PROFISSIONAIS MASCULINAS
PH|Marquinhos                                                             1º
Maurício|Marcelo                                                         2º
Emerson|Eduardo                                                         3º
Maurício|Alemao                                                          4º
Viola|Sérgio                                                                     5º
Edson|Lauro                                                                    6º
Índio|Andre                                                                     7º
Luiz Negão|Professor                                                  8º
Gustavo|Marcelo                                                          9º
 
DUPLAS PROFISSIONAIS MISTA
Alemão|Silvia                                                                  1º
Marcelo|Jane                                                                  2º
P.H.|Mariana                                                                   3º
Marquinhos|Laysa                                                        4º
Maurício|Pilar                                                                 5º
Maurício|Drica                                                                6º
Sérgio|Alessandra                                                         7º
Viola|Tânia                                                                       8º
Bichara|Simone                                                              9º
 
DUPLAS AMADORAS MASCULINAS
Marcelo|Fernando                                                       1º
Viola|Wal                                                                          2º
Ricardo|Junior                                                                3º
Amauri|Carlos                                                                 4º
Adelson|Dionísio                                                           5º

Comentários desativados em I Campeonato de Frescobol de Rio das Ostras reuniu dezenas de praticantes da modalidade na Praia do Bosque

Abertura do Campeonato Regional de Natação em Piscina será em Rio das Ostras

Posted in Esporte by ImprensaBR on 22/04/2010

Evento será no próximo sábado, dia 24, na Aquática Dejamo
 
 
O Campeonato Regional de Natação em Piscina já tem dia e hora para começar na temporada 2010. A etapa de abertura será realizada no próximo sábado, dia 24, a partir das 7h, na piscina da Aquática Dejamo, localizada na rua Cambuci, no Jardim Mariléa. (more…)

Comentários desativados em Abertura do Campeonato Regional de Natação em Piscina será em Rio das Ostras

Escola de Natação no Mar de Rio das Ostras realiza Econatação

Posted in Esporte, Meio Ambiente by ImprensaBR on 17/03/2010

A Associação Meio Ambiente, Respeito, Esporte – Mare, por intermédio do Projeto Natação no Mar, em parceria com o Núcleo de Educação Ambiental da Prefeitura de Rio das Ostras, realizará nesta quinta feira, dia 18, das 7h às 11h, e das 14h às 16h, o já tradicional evento intitulado “Dia do Batizado”, quando os alunos vão nadar da Praia do Remanso até a Ilha do Costa e voltar. (more…)

Comentários desativados em Escola de Natação no Mar de Rio das Ostras realiza Econatação

Projetos Crianças no Esporte e Desporto iniciam as renovações de matrículas

Posted in Esporte by ImprensaBR on 04/03/2010

A Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras iniciou o período de renovação de matrículas dos alunos cadastrados nos Projetos Criança no Esporte e Desporto, no ano de 2009. O prazo para renovação de matrículas dos dois projetos vai até o dia 30 de março. (more…)

Comentários desativados em Projetos Crianças no Esporte e Desporto iniciam as renovações de matrículas

Edição 2010 do Projeto Ostrinha chega ao fim confirmando o sucesso da parceria entre Prefeitura e Corpo de Bombeiros

Posted in Esporte by ImprensaBR on 03/02/2010

Solenidade marcou o encerramento das atividades com a presença  de mais de 500 participantes

A edição 2010 do Projeto Ostrinha chegou ao fim. A solenidade de encerramento, realizada nesta quinta-feira, dia 28, na Praia do Bosque, reuniu o prefeito Carlos Augusto, o comandante do 9º Grupamento do Corpo de Bombeiros de Macaé, tenente Eric Alves da Silva, o secretário de Esporte e Lazer, Carlos Alberto Marins, o vice-prefeito Wilton Broder, o sub-secretário de Ordem Pública e Controle Urbano, Túlio Vinicíus, o sub-secretário de Esporte, Ricardo Fasano, todos os participantes do projeto, familiares e comunidade em geral. (more…)

Comentários desativados em Edição 2010 do Projeto Ostrinha chega ao fim confirmando o sucesso da parceria entre Prefeitura e Corpo de Bombeiros

Luiz Lima participa da pré-temporada da Escola de Natação no Mar

Posted in Esporte by ImprensaBR on 03/02/2010

Travessia, teatro, música e grafite marcam

a aula inaugural do projeto de Rio das Ostras

Considerado um dos principais projetos da Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras, a Escola de Natação no Mar voltou as suas atividades para a temporada 2010, nesta terça-feira, dia 2, com uma nova metodologia. Com a presença do nadador super campeão da Travessia do Forte e padrinho do projeto, Luiz Lima, o dia começou com os professores fazendo um aquecimento e acompanhando os alunos numa descontraída aula na Praia do Cemitério.

Em seguida os próprios alunos encenaram um esquete valorizando a importância da preservação do meio ambiente. Também foi realizado um trabalho voluntário de coleta de lixo na areia da praia. A ONG MARE (Meio Ambiente Respeito e Esporte) montou uma barraca no local e promoveu uma oficina de arte para as crianças e houve ainda uma exposição de artesanato com material reciclado, mudas de planta e hortaliças. Finalizando a ação, um grupo de grafiteiros pintou o muro da Praia do Cemitério com temas ecológicos.

De acordo com a coordenadora do projeto Izabel Thomas, as alterações deste início do ano serão referentes a metodologia das aulas. “Neste primeiro momento as aulas serão como um acompanhamento aos alunos porque trabalharemos com os professores atuando de forma voluntária. A Natação no Mar hoje é mais do que uma atividade física. É um sentimento de vida”, declarou.

Para o nadador Luiz Lima, a Natação no Mar hoje é uma referência na sua vida de atleta. “Depois de tantas provas e competições, nada melhor do que passar um pouco da experiência adquirida nas piscinas e mares do mundo todo. Conheci o projeto aqui em Rio das Ostras, me apaixonei pelo seu dinamismo e seus propósitos e levei um núcleo daqui para as areias de Copacabana, com o patrocínio da Chemtech Siemens Company. Vocês podem contar comigo pra dar continuidade a este maravilhoso projeto”, destacou.

Fonte: Secom PMRO

Comentários desativados em Luiz Lima participa da pré-temporada da Escola de Natação no Mar

Secretaria de Esporte Lazer promove torneios de Futevôlei e Beach Soccer

Posted in Esporte by ImprensaBR on 27/01/2010

Com o objetivo de proporcionar atividades esportivas durante o verão 2010 no litoral riostrense, a Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de Rio das Ostras promove dois torneios esportivos a partir do dia 30 de Janeiro: Beach Soccer, na Praia do Centro, e Futevôlei, na Praia do Bosque.

O I Torneio de Beach Soccer será realizado no dia 30 de janeiro, a partir das 9h, na Praia do cCentro, ao lado do Iate Clube Rio das Ostras. O torneio terá 10 times com oito atletas em cada equipe. No final de semana seguinte, dia 6 de fevereiro, na Praia do Bosque, a partir das 9h, será realizado o I Torneio de Futevôlei do ano com a participação de 16 duplas da região.

As inscrições para os dois torneios e mais informações podem ser direto pelo telefone 9962-9479 com Tidinho ou 9223-2598 com Rodrigo.

Fonte: Secom PMRO

Comentários desativados em Secretaria de Esporte Lazer promove torneios de Futevôlei e Beach Soccer

Natação no Mar de Rio das Ostras reinicia suas atividades

Posted in Esporte by ImprensaBR on 26/01/2010

Projeto Natação no Mar retoma suas atividades no dia 02 de fevereiro de 2010, à
partir das 07h00, na praia do Cemitério, em Rio das Ostras.

O projeto, que já existe há quatro anos, foi idealizado pela professora Izabel Thomaz visando atender à comunidade da Boca da Barra – uma comunidade de pescadores – através de aulas de natação no mar,
noções de salvamento, etc.

O projeto conta com o apoio da prefeitura e atende hoje 450 alunos de todo o município, de variadas faixas etárias. O trabalho foi ampliado com a criação das ONGs MARÉ VERDE e MARÉ DE ARTES, que promovem oficinas e campanhas de conscientização ambiental, reciclagem de lixo, etc.

O AULÃO INAUGURAL será um grande evento com música, teatro, grafite, oficina de pintura para crianças, mutirão de limpeza na praia e claro, uma grande e animada aula de natação no mar para todos os
presentes.

Mais informações: http://www.natacaonomar.com.br/. 

Fonte: Valcir Gonçalves, colaborador e amigo do projeto Natação no Mar

Comentários desativados em Natação no Mar de Rio das Ostras reinicia suas atividades

%d blogueiros gostam disto: