!@ {o polifônico, [Jornalismo de Intervenção # Por Leonor Bianchi]

Praça do Artesão de Rio das Ostras, RJ, passará por obras de revitalização

Posted in Cidade, Cultura, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 18/07/2013

Projeto foi discutido com cerca de 50 artesãos na noite de terça-feira (16). Durante as obras, os artesãos vão continuar trabalhando em outro local.

A prefeitura de Rio das Ostras, interior do Rio, vai reformar a Praça do Artesão, no Centro. A proposta é resgatar o artesanato da cidade, transformando o espaço num ponto turístico. A notícia foi anunciada pelo prefeito Sabino, durante um encontro com cerca de 50 representantes da Associação Ostra Arte, na tarde de terça-feira (16) no auditório do Parque dos Pássaros. Sabino pediu aos artesãos que enviassem sugestões e que, junto ao poder municipal, ajudassem na elaboração do projeto de revitalização da praça. Uma nova reunião está prevista para acontecer em três semanas. (more…)

Comentários desativados em Praça do Artesão de Rio das Ostras, RJ, passará por obras de revitalização

Procuradoria de Rio das Ostras oferece 30 vagas de estágio

Posted in Outras Fontes, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 17/07/2013

Vagas são para estudantes que cursam o 6º ou 7º período de direito. Não há cobrança de taxa de inscrição

A Procuradoria Municipal de Rio das Ostras está oferecendo 30 vagas de estágio para estudantes que cursam o 6º ou 7º período do curso de direito. Os interessados têm até 9 de agosto para se inscrever na secretaria da Procuradoria Geral do Município de Rio das Ostras, na rua Campo de Albacora, 75, Loteamento Atlântica.

Não há cobrança de taxa de inscrição. O edital do processo de seleção foi publicado no Jornal Oficial, edição nº 643, de 12 a 18 de julho, no qual o candidato também conhecerá o conteúdo programático exigido. Os candidatos serão submetidos à prova discursiva, em data e local que serão divulgados pela comissão organizadora. Para ser aprovado o candidato deverá acertar pelo menos 50% das questões da prova.

Os estagiários selecionados receberão uma bolsa-auxílio no valor de R$ 600, além do auxílio-transporte no valor de R$ 80. Eles terão um período de trabalho de 6 horas diárias, que contam para a carga horária da faculdade. Os estagiários vão atuar junto aos procuradores do município.

Do G1

Comentários desativados em Procuradoria de Rio das Ostras oferece 30 vagas de estágio

Pelo direito dos jornalistas Dia Nacional de Lutas

Posted in Brasil, Cidadania, Comunicações, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 11/07/2013

Respeito pelo trabalho da imprensa, fortalecimento da comunicação pública e democratização da informação. Estas são algumas das reivindicações que o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro leva às ruas nesta quinta-feira (11 de julho), Dia Nacional de Luta.

Jornalistas cariocas vão se concentrar, a partir do meio-dia, nas escadarias da Câmara de Vereadores do Rio, na Cinelândia, com faixas de reivindicações da categoria. Os profissionais também levantam as bandeiras da pauta unificada das centrais sindicais e dos movimentos sociais, como 10% do PIB para a educação, reforma agrária e transporte público de qualidade.

O Sindicato dos Jornalistas estará em seguida, às 13 horas, em frente à TV Brasil, na Avenida Gomes Freire 474, junto com o Sindicato dos Radialistas e com a Comissão de Empregados da EBC-RJ. Os trabalhadores reivindicam plano de carreira, cumprimento de acordo coletivo, fortalecimento da comunicação pública e a democratização da comunicação.

No Rio de Janeiro, este 11 de julho, Dia Nacional de Luta com Greves e Mobilizações, vai culminar em ato, a partir das 15 horas, próximo à igreja da Candelária.

Fonte: SJPMRJ

Comentários desativados em Pelo direito dos jornalistas Dia Nacional de Lutas

Justiça suspende devolução da taxa do concurso de Rio das Ostras

Posted in Coluna do Servidor, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 03/07/2013

Valor pago pelos candidatos seria devolvido a partir deste mês. Decisão foi tomada pela segunda vara da cidade.

A justiça suspendeu a devolução do dinheiro da taxa de inscrição do 6º concurso público da Prefeitura de Rio das Ostras, Região dos Lagos do Rio de Janeiro. O valor pago pelos candidatos seria devolvido a partir deste mês depois que o concurso foi cancelado. A decisão é do juiz da segunda vara da cidade em relação ao pedido de suspensão do reembolso das inscrições, proposto em uma ação popular.

De acordo com o advogado responsável pela ação, Renato Vasconcellos, a medida evitaria que os R$ 7 milhões destinados ao reembolso saíssem dos cofres públicos até a decisão final do processo. Renato Vasconcelos explicou, ainda, que uma vez que o candidato receba o dinheiro, eles poderiam ser considerados desistentes, mesmo que o concurso seja considerado válido, novamente.

Ainda de acordo com o advogado, a notificação para a prefeitura de rio das ostras, foi expedida pela justiça. Além da decisão que suspende a devolução do dinheiro das inscrições, existe ainda um mandado de segurança que pede a suspensão do decreto que anula o concurso até que a prefeitura libere o acesso aos documentos para que os candidatos possam se defender.

O advogado responsável pelo mandado de segurança, Bruno Bastos, afirma que por três vezes fez pedido oficial a prefeitura para ver os documentos e não teria tido resposta. Desta forma, segundo Bruno Bastos, impediria os candidatos de saber quais irregularidades sustentariam a decisão de cancelar o concurso.

A requisição do reembolso começou a ser feita no dia 10 de maio. Os candidatos preencheriam um formulário e em 60 dias receberiam o dinheiro na conta bancária indicada. Até o dia 31 de maio, 12 mil candidatos, dos 100 mil inscritos, haviam feito a solicitação.

A prefeitura de rio das ostras disse que ainda não foi notificada da decisão de não pagar mais o reembolso e, se for notificada, vai tomar todas as medidas necessárias para defender o interesse público. Acrescentou também que, por enquanto, não existe nenhuma alteração no trâmite do 6º concurso público que está anulado.

Sobre a não liberação dos documentos que comprovam irregularidades do concurso a prefeitura informou que cedeu o que tinha. Porém, parte da documentação está com a fundação Trompowysk, organizadora do concurso. Já a fundação disse que todo documento solicitado foi disponibilizado.

G1 Norte Fluminense

Comentários desativados em Justiça suspende devolução da taxa do concurso de Rio das Ostras

Vem aí a 11ª Feira da Terra, em Lumiar

Posted in Cidade, Cultura, Estado, Meio Ambiente, Nova Friburgo, Região, Saúde, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 01/07/2013

feiradaterra

Está chegando a 11ª edição da Feira da Terra, que este ano acontece em Lumiar, distrito de Nova Friburgo nos dias 26, 27 e 28 de julho. A novidade da programação desta edição da Feira é a realização do I Fórum Intermunicipal de Agricultura, Agroecologia, Alimentação Saudável e Sustentabilidade, que reunirá gestores e trabalhadores rurais de Nova Friburgo,Teresópolis, Macuco, Bom Jardim,Cantagalo, Cordeiro,Santa Maria Madalena,São Sebastião do Alto, entre outros.

Veja mais sobre a programação da 11ª Feira da Terra

580190_585421191498523_1857545368_n

Dia 26 julho

11h – Perfil da Produção da Região Serrana – Lia Caldas- Educadora ambiental, Juliano Palm- Historiador e Reinaldo Queirooz -Prod. Cultural( Casa dos Saberes)
14h – Roda de conversa dos municípios
15h – Sustentabilidade na Produção de Hortaliças – Gerson José Yunes Antônio (Emater)- Eng. Agrôn. eTéc. Regional do Programa Rio Rural
16h – Oficina Cozinha Brasil – SESI
17h – ” Alimentação Saudável – Vanessa Cristina de Paula Lage – Agente de Desenvolvimento Social da Emater- Rio- Trajano de Moraes

27 julho
10h – Sistema produtivo para pequenos produtores agrícolas – Educ. Ambiental Lia Caldas, Historiador Juliano Palm e o Prod. cultural Reinaldo Queiroz
11h – O Desequilíbrio na nutrição de plantas e os agrotóxicos – Eng. Agrôn. Alexandre Jacinto Teixeira- Supervisor Regional da Emater
14h – Oficina Cozinha Brasil – SESI
15h – Palestra do Sebrae
16h- Palestra do Sebrae
17h – Encerramento do Fórum

Para contatar a produção da Feira da Terra, envie email para contato@feiradaterra.org.

Comentários desativados em Vem aí a 11ª Feira da Terra, em Lumiar

Cachoeiras de Macacu e Rio Bonito no bilhete único

Posted in Brasil, Cidadania, Cidade, Estado, Infraesturutura, Política, Região, Trabalho e Renda, Transporte by ImprensaBR on 25/06/2013

Os municípios de Cachoeiras de Macacu e Rio Bonito estão perto serem incluídos no Bilhete Único Intermunicipal. A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou nesta terça-feira (25/06), em discussão única, a indicação legislativa 285/13, dos deputados André Corrêa (PSD) e Paulo Melo (PMDB), que propõe a inclusão das cidades na Lei 5.628/09, que instituiu o programa de tarifa integrada de transporte. A indicação solicita ao governador Sérgio Cabral o envio de projeto tratando do assunto, o que foi dado como certo por Corrêa, líder do Governo na Casa. “Esta questão já está equacionada. Vai acontecer”, garantiu ele, reforçando que o programa, único em seu caráter intermunicipal no país, já beneficia 800 mil pessoas nas vinte cidades já abrangidas.

A aprovação foi muito comemorada por moradores e representantes da Cachoeiras de Macacu presentes em plenário. O prefeito da cidade, Cica Machado, explicou que os moradores se deslocam muito na região, que abriga o Comperj, e, com isso, gastam muito com as passagens. “Esta situação prejudica a cidade de diferentes formas, mas, sobretudo economicamente. Essa alteração na lei será muito benéfica e comemorada pela população”, salientou. A indicação será publicada.

Fonte: Alerj

 

Comentários desativados em Cachoeiras de Macacu e Rio Bonito no bilhete único

Casa & Vídeo terá que pagar R$ 70 mil ao Sindicato dos Empregados do Comércio de Rio das Ostras

Posted in Cidade, Editorial, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 24/06/2013

LB

Rio das ostras – O juiz do Trabalho da 2ª Vara do Trabalho de Cabo Frio, Posto Avançado de Rio das Ostras, Célio Baptista Bittencourt, determinou que a Casa & Vídeo não mais negocie pontos de interesse dos trabalhadores com qualquer outra entidade representativa senão o Sindicato dos Empregados do Comércio de Rio das Ostras, condenando a empresa a indenizar a entidade sindical em R$ 70 mil por de danos morais.

O presidente do Sindicato dos Empregados do Comércio em Gerais, Hotéis e Similares de Rio das Ostras, Virgílio Éderson Lagrimante, comemorou a sentença, expedida no início de junho. “Foi uma decisão muito importante, que reconheceu nossa carta sindical e que reestabeleceu a liberdade de negociação e a unicidade sindical em nossa base”, afirmou Virgílio.

O presidente do Sindicato dos Empregados do Comércio de Rio das Ostras explicou que por três anos a Casa & Vídeo, líder em vendas no varejo fluminense nos setores de utilidades domésticas, ferramentas, climatização e eletroportáteis, negociou o Acordo Coletivo de seus trabalhadores com seu sindicato. Mas, nos últimos três anos, se negava a negociar a Convenção Coletiva com o Sindiempregados e passou a fazê-lo com a Federação dos Empregados no Comércio do RJ.

“A Federação dizia que nós não existíamos. Como assim? Nossa carta sindical tem nada menos que 24 anos! A Federação pretendia tomar tudo para si. Entramos com uma ação, que legitimou nossa representação junto à base. A Federação está proibida de interferir. A Justiça condenou a Casa & Vídeo, que também está proibida de fazer a Convenção Coletiva com a Federação ou qualquer outro Sindicato, dentro de nossa base. Parabenizo a Justiça do Trabalho, que mais uma vez demonstrou estar atenta e pronta para defender o trabalhador ante as grandes raposas deste país, que são as empresas bilionárias”, ressaltou Virgílio Lagrimante.

O líder sindical informou que já prepara novas ações de cumprimento contra a Casa & Vídeo. “Não quero saber se é tubarão ou se não é. Direito é direito! Terão que cumprir nosso Acordo Coletivo e podemos até convocar uma greve para que a empresa cumpra o repouso remunerado aos domingos, coisa que eles não vêm respeitando”, anunciou Virgílio.

Sindicado de um único representante

Lagrimante… falta de ética passou ali e ficou. Conhecido por moradores antigos de Rio das Ostras por ter participado intensamente do movimento emancipatório da cidade, é conhecido também por sua falta de caráter. É o que eu dizem os mais velhos… O cara é tão sinistro, que olha ele aí há 30 anos presidindo o Sindicato! Nem a Federação reconhecia a legitimidade do sindicato por ele presidido.

Entendo que as empresas têm que buscar a entidade sindical nas quais possam confiar. Se não estavam submetidas ao sindicato do Lagrimante é sinal de que não havia elo de confiança. Mas o presidente forçou a barra e ganhou na justiça. Que feio. Ter que ganhar este reconhecimento por essas vias… Queria poder defender as organizações sindicais da minha amada Rio das Ostras, mas é tanta pilantragem, que a gente tem que admitir que tratam-se de aproveitadores e aparelhadores desses instrumentos que deveriam servir ao trabalhador e não ao patronato e aos políticos.

LB com base em texto da Força Sindical

Comentários desativados em Casa & Vídeo terá que pagar R$ 70 mil ao Sindicato dos Empregados do Comércio de Rio das Ostras

UFF abre inscrições para concursos para professores em 27 áreas

Posted in Educação, Notas, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 17/06/2013
Entre 17 de junho e 17 de julho, estão abertas as inscrições para concursos para professores em 27 áreas. Interessados podem se escrever e consultar edital completo em https://sistemas.uff.br/cpd.

Comentários desativados em UFF abre inscrições para concursos para professores em 27 áreas

Silêncio: patrões de jornais e revistas estão mudos

Posted in Comunicações, Estado, Jornalismo de Intervenção, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 28/05/2013

Em junho completam-se quatro meses de negociação salarial entre trabalhadores e os empresários de jornais e revistas do Rio de Janeiro. Ao que parece, os patrões querem fazer do acordo coletivo de 2013 um imenso rocambole – e, assim, seguem enrolando, evitando a assinatura da convenção.

A última contraproposta dos jornalistas cariocas foi aprovada em assembleia no dia 7 de maio: reajuste de 7%, acima da inflação, e pagamento dobrado, em dinheiro, dos feriados trabalhados. Ou seja, os mesmos ganhos conquistados nas negociações com os empresários de rádo e TV. Essa resolução de assembleia foi enviada aos representantes patronais, que prometeram uma resposta até a última sexta-feira (27 de maio). Mas os empresários seguem mudos, não respondem, nem agendam novas rodadas de negociações.

Por causa deste – e de outros – atrasos, os jornalistas de impressos ainda não tiveram o reajuste em seus salários neste ano. A Participação nos Lucros e Resultados (PLR) também fica sem índice. Na prática, os patrões de jornais e revistas da cidade fazem pouco caso com as necessidades de seus trabalhadores.

Desde a data-base da categoria, em fevereiro, foi uma constante a demora dos representantes patronais em responder às reivindicações. E isso acontece num ano em que as empresas de rádio e TV assinaram acordo com os trabalhadores em apenas dois meses, com significativos ganhos para os jornalistas desse segmento.

No início de maio, o Sindicato dos Jornalistas do Município do Rio realizou pesquisa online com a categoria sobre o reajuste. O resultado apontou que 83% dos profissionais que responderam não abrem mão de ganho real nos salários (acima de 6,63%). A maioria ainda apontou como prioridade o pagamento dobrado de feriados trabalhados. A assembleia do dia 7 de maio confirmou essas reivindicações.

LEIA MAIS: Acompanhe as negociações salariais de jornal e revista

Fonte: SJPMRJ

Comentários desativados em Silêncio: patrões de jornais e revistas estão mudos

Rio das Ostras recebe abertura da temporada 2013 do Brasileiro de Bodyboard

Posted in Brasil, Cidade, Esporte, Rio das Ostras, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 26/05/2013

O Circuito Brasileiro de Bodyboard 2013 teve sua primeira etapa definida nessa semana. Entre os dias 16 e 18 de agosto, a cidade de Rio das Ostras, Região dos Lagos, no Rio de Janeiro, abre o calendário nacional de eventos, oferecendo R$ 35.000,00 em premiação.

Após cinco anos de ausência no calendário, a cidade rioostrense volta a sediar uma competição de grande nível, sendo que a última havia sido em 2008, quando o circuito mundial de bodyboard passou pela praia de Costa Azul.

“Estamos muito felizes com o retorno de Rio das Ostras ao calendário nacional de competições. Foi muito bom ter viabilizado este evento para uma da cidades que mais fizeram e fazem pelo esporte no país. Esperamos de braços abertos todos os atletas do Brasil”, comemora o presidente da CBRASB, Edmar Rezende.

Rio das Ostras tornou-se uma referência nacional na formação de ótimos atletas a partir da criação da escolinha de bodyboard, coordenada pelo próprio presidente da entidade, Edmar Rezende. Do projeto, surgiram nomes como Israel Eduardo, Adriano Minguta, Miguel Medina, Bruno Araujo, entre tantos outros destaques do bodyboard no Brasil.

Rio das Ostras fez história no Circuito Mundial:

Durante muitos anos, Rio das Ostras foi responsável por sediar etapas do Circuito Brasileiro, Latino e Mundial. Durante a etapa do Latino-Americano, disputada em 2005, foi realizada a primeira transmissão ao vivo de uma etapa através da internet. Além disso, em 2008, o Circuito Mundial desembarcou na cidade, com vitórias dos consagrados Uri Valadão e Isabela Sousa.

Na ocasião, Uri Valadão venceu o carioca Francirley Ferreira, e despontou para o seu primeiro título mundial, conquistado naquele mesmo ano. Já Isabela Sousa, obteve um grande resultado sobre a basca Eunate Aguirre na final e começou a mostrar ao mundo todo seu talento, culminando nos dias de hoje em dois títulos mundiais.

Fonte: 360

Comentários desativados em Rio das Ostras recebe abertura da temporada 2013 do Brasileiro de Bodyboard

Inscrições para a etapa de Rio das Ostras da Copa Rio estão abertas

Posted in Esporte, Região, Rio das Ostras, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 22/05/2013
Quarta etapa da competição vale pontos para os rankings estadual e nacional
Por ahe!

Será realizada no próximo dia 2 de junho, a quarta etapa da Copa Rio de ciclismo. Rio das Ostras será o palco da prova após a competição passar por Angra dos Reis, Três Rios e Volta Redonda. As inscrições para o evento já estão abertas e podem ser realizadas até 30 de maio pelos sites http://www.bikebros.com.br ehttp://www.fecierj.org.br. O valor é de R$ 40,00 e o pagamento deverá ser feito apenas por depósito bancário e identificado.

A prova valerá pontos para os rankings estadual e nacional. Os dez primeiros colocados do ranking nacional garantem vaga no Tour do Rio, principal competição do ciclismo brasileiro.

Veja mais: Adélio da Silva e Natasha Albuquerque vencem terceira etapa da Copa Rio

Disputada na modalidade estrada, a Copa Rio será realizada em um circuito de 19,4km, com largada em frente ao Parque de Exposição de Rio das Ostras. O número de voltas no circuito varia de acordo com a categoria, tendo a elite masculina que completar cinco voltas, enquanto a elite feminina, três.

Premiações Copa Rio de Ciclismo (Rio das Ostras)

Categoria Elite Masculina
1º – R$ 500,00
2º – R$ 300,00
3º – R$ 100,00

Categorias Master A, Master B, Master C, Sub 30 MTB e Feminino
1º – R$ 200,00
2º – R$ 100,00
3º – R$ 50,00

Fonte: Revista Ciclismo

Comentários desativados em Inscrições para a etapa de Rio das Ostras da Copa Rio estão abertas

Região ganhará unidade da Sociedade de Garantia de Crédito da Região Produtora de Petróleo, Gás e Bioenergia do estado do Rio de Janeiro

Posted in Economia, Macaé, Região, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 26/04/2013

No próximo dia dois, será inaugurada, em Macaé, a Sociedade de Garantia de Crédito da Região Produtora de Petróleo, Gás e Bioenergia do estado do Rio de Janeiro (Garantinorte). O objetivo é facilitar a obtenção de crédito para qualquer empresa da região sudeste fluminense e, dessa forma, possibilitar acesso a linhas de financiamento para empreendedores da região.

A Garantinorte nasceu em 2011 com 49 associados e recursos financeiros do Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam) e Fundo Municipal de Desenvolvimento Econômico (Fumdec) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O núcleo de Macaé pretende atingir 300 associados na região da Costa do Sol, em 12 meses. os microempresários poderão contar com as contribuições financeiras já aprovadas pelos parceiros. O Fundecam disponibiliza R$ 1,5 milhão, o Fumdec, R$ 1 milhão, e o Sebrae, com R$ 2 milhões. Além do dinheiro, a Garantinorte possibilita assessoria técnicas as empresas.

De acordo com o gerente regional do Sebrae, Gilberto Soares, quando um empresário tenta pegar um crédito de 500 mil reais, por exemplo, os bancos pedem uma garantia de um R$ 1 milhão. Um valor inviável para a realidade de uma pequena empresa. “É aí que entra a Garantinorte. Ela pode oferecer essa garantia”.

Segundo Gilberto, o acesso ao crédito é um dos grandes desafios para pequenos e médios empresários brasileiros porque são caros e têm altas taxas de juros. Ele explica ainda que intermediar os projetos entre as empresas associadas e as agências bancárias, contribui para a expansão do crédito com segurança porque reduzem pela metade o risco de inadimplência. “Isso significa dinheiro a custo menor, com juros e tarifas bancárias mais baratas”.

Antes de estar apto para conseguir a garantia do crédito, o empresário deve se conveniar à Garantinorte e apresentar um projeto, onde deve constar o valor do empréstimo solicitado ao banco, a quantia a ser paga por mês, bem como discriminado quanto a empresa lucra ao ano. “O conselho da Sociedade de Garantia de Crédito irá analisar o projeto e sua viabilidade, depois disso, se for aprovado, o empresário já pode entrar em contato com o banco e iniciar os tramites normais”, disse Gilberto.

Um dos itens observados durante a análise é se o crédito solicitado não está fora da capacidade da renda anual da empresa. “Se a renda for de 100 mil reais ao ano, não é possível pedir um empréstimo de 2 milhões. É fora da realidade, e o empresário deve perceber isso”.

Essa é a quinta Sociedade de Garantia de Crédito (SGC) do país e a primeira ativa no sudeste. As empresas interessadas no convênio já podem fazer seu cadastro na avenida Rui Barbosa, 270, Centro –  Macaé. Mais informações pelo telefone: (22) 2772-2858.

Comentários desativados em Região ganhará unidade da Sociedade de Garantia de Crédito da Região Produtora de Petróleo, Gás e Bioenergia do estado do Rio de Janeiro

Quem sãos os jornalistas brasileiros

Posted in Brasil, Comunicações, Jornalismo de Intervenção, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 03/04/2013
  • 64% dos jornalistas no mercado de trabalho é mulher
  • 98% têm formação superior
  • 40,4% têm pós-graduação
  • 59,9% dos jornalistas recebem até cinco salários mínimos
  • 55% atuam em veículos de comunicação, produtoras de conteúdo, etc…
  • 40% atuam fora da mídia, em atividades de assessoria de imprensa ou afins.

logo_pesquisa_perfil_jornalista

A Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) lança nesta quinta-feira, 4 de abril, em entrevista coletiva à Imprensa, o relatório final da pesquisa “Perfil profissional do jornalista brasileiro”. A atividade será às 14h30, no Hotel Aracoara, em Brasília. O lançamento do relatório da pesquisa marca as atividades do Dia do Jornalista – 7 de abril.

A pesquisa é um projeto do Núcleo de Estudos sobre Transformações no Mundo do Trabalho da Universidade Federal de Santa Catarina (TMT/UFSC) em parceria com a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e com apoio do Fórum Nacional de Professores de Jornalismo (FNPJ) e da Associação Brasileira de Pesquisadores do Jornalismo (SBPJor). Foi a primeira vez que se realizou uma pesquisa com jornalistas baseada num estudo prévio das dimensões da categoria – aproximadamente 145 mil profissionais – e com amostragem de todas as regiões do país.

Os resultados se baseiam em respostas de 2.731 jornalistas, de todas as unidades da federação e também dos exterior, a um questionário online. Com margem de erro inferior a 2%, foi desenvolvida com a participação voluntária dos profissionais.

Entre as características demográficas da categoria, o relatório aponta significativa expansão na presença feminina no fazer jornalístico. Segundo os dados da pesquisa, hoje há mais mulheres (64%) do que homens atuando no mercado de trabalho. Apesar disso, os homens ocupam predominante os cargos de chefia.

Quase a íntegra dos jornalistas que atuam no Brasil têm formação superior (98%), segundo os dados. Desses 91,7% têm graduação em Jornalismo. Dos graduados, 61,2% são formados no ensino privado e 40,4% deles têm curso de pós-graduação. Foram identificados 317 cursos de Jornalismo no país.

De acordo com o levantamento, 59,9% dos jornalistas recebem até cinco salários mínimos. O índice de desemprego observado na categoria coincide com a taxa no país, que fechou o ano de 2012 com 5,5%. A cada 4 jornalistas, 1 está filiado a sindicato, ou seja 24,2% são associados a entidades sindicais. Dos jornalistas, 55% atuam em mídia (veículos de comunicação, produtoras de conteúdo etc.), 40% atuam fora da mídia, em atividades de assessoria de imprensa ou comunicação ou outras ações que utilizam conhecimento jornalístico, e 5% trabalham predominantemente como professores.

Estes e muitos outros dados serão apresentados aos participantes da Entrevista Coletiva, que contará com a presença de diretores da FENAJ, do FNPJ, da SBPJOR e de um dos coordenadores da pesquisa, o professor Samuel Pantoja Lima (da Universidade de Brasília, cedido ao Departamento de Jornalismo da UFSC). O relatório será publicado no livro “Perfil do jornalista brasileiro – Características demográficas, políticas e do trabalho jornalístico em 2012″, em impressão pela Insular (Florianópolis).

O QUE:
 Entrevista Coletiva de lançamento nacional do relatório da pesquisa “Perfil do jornalista brasileiro”.
ONDE: Hotel Aracoara (Salão Fernando Costa) – Setor Hoteleiro Norte, Quadra 5, Bloco C Brasília – DF, Fone (61) 3252-5252.
QUANDO: 4 de abril, quinta-feira, às 14h30.

Fonte: FENAJ.

Comentários desativados em Quem sãos os jornalistas brasileiros

Ministério Público cancela concurso público em Rio das Ostras, RJ

Posted in Coluna do Servidor, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 31/03/2013

Prefeitura tem até o dia 30 de maio para publicar cronograma de reembolso

O Ministério Público Estadual e a Prefeitura de Rio das Ostras Região dos Lagos do Rio, assinaram um acordo que cancelou o concurso público do município que aconteceu no início do ano passado. A decisão foi tomada na última segunda-feira (25), embora tenha sido divulgada apenas neste sábado (30) na página da administração pública.

A justiça levou em consideração as inúmeras denúncias de irregularidades contra o processo seletivo. Pelo termo de ajustamento de conduta, o município tem até o dia 30 de maio para publicar cronograma de reembolso das inscrições e 60 dias após para efetuar o pagamento dos valores aos candidatos.

A prefeitura se comprometeu a realizar um novo concurso até dia 31 de julho. Em caso de descumprimento do acordo, o município de Rio das Ostras e o prefeito serão multados em R$ 10 mil por dia.

Entenda o caso

O concurso que aconteceu no ano passado foi marcado por polêmicas desde quando as provas foram realizadas. A data dos exames foi alterada com poucos dias de antecedência, questões da prova apresentaram erros de formatação e algumas não estavam previstas no edital. O concurso chegou a ser suspenso em junho de 2012 mas voltou a ser homologado quatro meses depois.

G1

Comentários desativados em Ministério Público cancela concurso público em Rio das Ostras, RJ

UFF abre inscrição para concurso para docentes. Há vagas para Rio das Ostras

Posted in Brasil, Coluna do Servidor, Educação, Estado, Rio das Ostras, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 20/03/2013
A partir das 12h do dia 15 de março estarão abertas as inscrições para concursos de docentes da Universidade Federal Fluminense. Professores podem concorrer a vagas em 42 áreas de diversas unidades e polos da UFF. As inscrições vão até às 24h do dia 11 de abril e serão submetidas a julgamento. Caso a inscrição seja indeferida, o candidato pode recorrer enviando recurso ao seu departamento de ensino até o dia 16 de abril. As informações estão disponíveis no edital de número 20/2013 do “Diário Oficial da União”.
Os interessados devem primeiro se cadastrar no Sistema de Coordenação de Pessoal Docente (CPD) pelo site https://sistemas.uff.br/cpd. Depois do cadastro é preciso realizar o login no mesmo endereço e informar o CPF e a senha escolhida realizando, em seguida, as etapas do formulário. Para a inscrição são necessárias cópia digitalizada do comprovante de titulação exigida, cópia do currículo, que deve ser preferivelmente “Curriculum Lattes”, e cópia da GRU paga.
É preciso também pagar uma taxa de inscrição que é variável: para o cargo de Professor Auxiliar em regime de trabalho de 40 horas com dedicação exclusiva é cobrada uma taxa de R$ 220. Já para o cargo de Professor Auxiliar em regime de trabalho de 20 horas semanais o valor é de R$ 75. Estão isentos do pagamento da taxa de inscrição candidatos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e aqueles que forem membros de família de baixa renda.
Além do edital 20/2013, que traz na íntegra todos os requerimentos e normas do concurso, também estão disponíveis no Diário Oficial o edital de processo seletivo simplificado para professores substitutos e os aditamentos aos editais: nº 320/2011; nº 153/2012; nº 168/2012 e nº 197/2012 todos datados de 13 de março deste ano.
Ao todo, os concursos selecionarão professores para vinte áreas da unidade de Niterói, cinco para a unidade de Macaé, seis para o polo de Campos dos Goytacazes, quatro para o polo de Rio das Ostras, um para o polo de Santo Antônio de Pádua, e seis para o polo de Volta Redonda. A lista completa das áreas, departamentos e datas das provas pode ser conferida abaixo:
–> Lista completa das áreas em www.noticias.uff.br/noticias/2013/03/concursos-inscricoes-15_03_13.pdf.
–> Edital 20/2013 e aditamentos dos editais em www.noticias.uff.br/noticias/2013/03/editais-e-aditamentos_concurso-de-docente.pdf.
Ascom UFF

Comentários desativados em UFF abre inscrição para concurso para docentes. Há vagas para Rio das Ostras

Mulheres são flagradas vendendo CDs e DVDs piratas em Rio das Ostras

Posted in Brasil, Cidade, Denúncia, Macaé, Rio das Ostras, Trabalho e Renda, Videofonia by ImprensaBR on 20/03/2013
Foto de Maurício Rocha (Secom PMRO), feita em 2011 depois de uma operação da Secretaria de Ordem Pública e Controle Urbano e da Coordenadoria de Fiscalização, ligada à Secretaria de Fazenda de Rio das Ostras, que apreendeu cerca de 500 mídias piratas que seriam comercializadas por ambulantes ilegais.

Foto de Maurício Rocha (Secom PMRO), feita em 2011 depois de uma operação da Secretaria de Ordem Pública e Controle Urbano e da Coordenadoria de Fiscalização, ligada à Secretaria de Fazenda de Rio das Ostras, que aconteceu no Centro da cidade.

Leonor Bianchi

A Avenida Amaral Peixoto (no trecho que corta a cidade ela não é chamada de rodovia) mais movimentada de Rio das Ostras, onde se concentra grande parte do comércio da cidade divide espaço com ambulantes piratas, há muito tempo. Casos de apreensão de produtos falsificados ou sem nota são notificados frequentemente no local.

Esta semana, vendedores ambulantes – duas mulheres de 35 e 45 anos – tiveram 1.400 mídias apreendidas pela Polícia Militar, enquanto tentavam vender CDs e DVDs,  que foram levados para a 128ª DP, em Rio das Ostras. Depois de autuadas e de pagarem a fiança na Delegacia, as mulheres surpreendidas pela PM com as mídias, foram liberadas e responderão em liberdade pelo crime de pirataria.

Venda de chips de celular acontece irregularmente à luz do dia, em Macaé

O comércio pirata não acontece apenas em Rio das Ostras. Em Macaé a atividade crece diariamente, é só caminhar pelo centro da cidade, nas orlas de Imbetiba e Cavaleiros para ver muitos mascates sem licença da prefeitura vendendo de um tudo.

Semana passada, uma mulher de aproximadamente 40 anos vendia chips de celular de uma operadora específica à luz do dia, no coração de Macaé, a metros da Câmara Municipal da cidade, a Rua Direita. Muitos guardas municipais fazem ronda no trecho, mas não vimos nenhuma abordagem á mulher que comercializava chips a R$ 5,00 sem nota fiscal e autorização legal para tanto.

Apreensão de mídias digitais piratas no DF subiu 11% em um ano, diz Comitê de Combate à Pirataria

A apreensão de mídias digitais (CDs e DVDs) em 2012 subiu 11% em relação ao mesmo período de 2011. Entre dezembro e janeiro do ano passado foram apreendidos 1.279.580 produtos, enquanto que, no ano retrasado, o saldo foi 1.143.364.

Os resultados das operações contra a pirataria e ao comércio irregular feitas em 2012 foram divulgadas hoje (8) pela Secretaria de Estado da Ordem Pública e Social do Distrito Federal (Seops), por meio do Comitê de Combate à Pirataria.

Houve um aumento de 57% nas fiscalizações feitas no mesmo período dos anos de 2011 e de 2012. Em 2011, foram feitas 633 fiscalizações, enquanto que no ano passado, o número aumentou para 998.

A operação Presença é uma ação preventiva e representa 47% desse total. Ela consiste na ocupação prévia dos agentes nas áreas de intensa movimentação, como os centros de Brasília, de Taguatinga, de Ceilândia e do Gama, e tem como objetivo fazer com que os fiscais permaneçam nos locais durante todo o dia.

A estratégia teve resultados positivos e registrou uma queda no número de apreensões nesses pontos. Na Feira dos Importados de Taguatinga, local considerado o maior ponto de comércio de mídias piratas do DF, a quantidade de mídias apreendidas diminuiu de 780 mil para 465 mil de 2011 para 2012, uma queda de 40%. 

Segundo o secretário da Seops, José Farias Rodrigues, o número é significativo, mas o foco é diminuí-lo cada vez mais. “A criação do comitê nos possibilitou trabalhar de forma integrada, trocando informações para que a gente possa combater com mais eficiência a pirataria e o comércio irregular”, disse Rodrigues.

O número de presos por pirataria, durante todo o ano de 2012 foi 183 pessoas, que foram indiciadas pelo crime de violação do direito autoral, que está previsto no Artigo 184 do Código Penal. Caso sejam condenadas, a pena pode variar de dois a quatro anos de prisão, além do pagamento de multa.

Fonte: Agência Brasil

 

Números da Pirataria no Brasil

A Câmara de Comércio dos Estados Unidos e o Conselho Empresarial Brasil Estados Unidos, em parceria com a Associação Nacional pela Garantia dos Direitos Intelectuais (Angari), apresentaram, em novembro de 2008, no Rio de Janeiro, relatório sobre o consumo de produtos piratas no Brasil realizado pelo IBOPE. A pesquisa “O impacto da pirataria no setor de consumo” revela que, neste ano, houve urna redução na compra dos falsificados em diversas categorias, em comparação com 2007. A pesquisa mostra ainda que o Brasil deixou de arrecadar, só nos primeiros dez meses deste ano, R$ 18,6 bilhões em impostos, quase 5% do total arrecadado entre janeiro e setembro deste ano, que foi de cerca de R$ 480 bilhões.

No período de 17 a 22 de setembro foram entrevistadas 1.715 pessoas, com idade acima de 16 anos, residentes nas cidades de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo e constatou-se que 63% dos consultados consomem produtos piratas sempre, às vezes ou já comprou algum item falsificado. No ano passado, este índice foi de 75%. “Essa redução se deve, principalmente, à atuação apreensiva da Receita Federal e de órgãos competentes. No Rio, por exemplo, há delegacias especializadas na pirataria”, avalia o diretor do Angari, José Henrique Werner.

Segundo o relatório, nos últimos dez meses foram apreendidos pela Receita Federal R$ 1 bilhão em produtos piratas, 22% a mais do que em 2006. Os itens mais apreendidos foram os eletroeletrônicos (R$ 79 milhões), cigarros (R$ 77 milhões), óculos (R$ 73 milhões), calçados (R$ 35 milhões) e artigos de informatica (R$ 58 milhões), entre outros. “É um trabalho de quatro anos que começa a dar resultados”, comenta a representante do Conselho Empresarial Brasil EUA, Solange Mata Machado. “Ações integradas entre as autoridades, em diversas cidades, estão proporcionando uma diminuição no consumo ilegal”, completa.

Compras

A pesquisa aponta ainda um crescimento de 24%, em 2007, para 34% neste ano de pessoas que nunca compraram produtos piratas. “Esse aumento pode ser avaliado de duas formas. A primeira é que houve uma mudança no hábito das pessoas porque há urna maior conscientização dos impactos negativos do consumo de falsificado. A segunda é que mudou a logística da rota dos piratas”, explica Werner. Para ele, devido a maior fiscalização nas fronteiras, os traficantes tiveram que alterar sua rota de distribuição, concentrada antes em São Paulo, o que possibilitou uma diminuição dos lugares conhecidos de vendas.

Solange avalia que um dos principais resultados da pesquisa, e que serve como base para aumentar ainda mais o número de não-consumidores de mercadorias falsificadas, é que surgiram dois tipos de perfis: 76% dos entrevistados são compradores eventuais, mulheres da classe média, que se soubessem que a compra ajuda o crime organizado, o tráfico de drogas ou fosse usados para propinas ou prejudicasse sua família, deixariam de consumir. E 24% são compradores convictos, homens de classe mais baixa, que não são sensibilizados com o fato do ato beneficiar práticas criminosas.

Pontos negativos

Werner, porém, entende que as reduções não são significativas. “Existem muitas pessoas que, mesmo conscientes dos impactos na economia brasileira, preferem comprar produtos piratas por ter preço mais acessível. Apenas 3 em cada 10 pessoas não compram falsificados”. A pesquisa revela que, como nos anos anteriores, 84% dos entrevistados alegam que os produtos ilegais custam menos que a metade do preço dos originais e que isto torna a compra atrativa.

De acordo com a Interpol (International Criminal Police Organization — ICPO), o Brasil movimenta entre R$ 60 bilhões e R$ 70 bilhões com o comércio pirata. No entanto, o que aconteceu nos últimos quatro anos foi uma intensa fiscalização pela Receita Federal. “Há muita coisa a ser feita, mas descobrimos, com este relatório, novos ganchos para atuar”.

Dados atuais

Segundo o Conselho Nacional de Combate à Pirataria, o Brasil deixa de arrecadar hoje R$ 40 bilhões por ano com pirataria e contrabando. Além disso, dois milhões de empregos formais deixam de ser criados por conta desse problema.

Fonte: Firjan

 

Comentários desativados em Mulheres são flagradas vendendo CDs e DVDs piratas em Rio das Ostras

Cartão do bem ou cartão do mal?

D20071218_H152710_ID7271

Mudou o ano, mudou o governo, mas a política populista parece nunca ter estado tão forte e consolidada em Rio das Ostras.

Uma semana antes do Carnaval, o novo-velho prefeito da cidade, Alcebíades Sabino, concedeu o beneficio chamado ‘Cartão do Bem’ para 2.600 moradores de Rio das Ostras. A política de assistencialismo não é de hoje no rico município de moradores pobres e vem seguida de outras tantas como você lerá ao final desta matéria.

Para quem não lembra, ou para os novos moradores que nem sabem do fato, o benefício ‘Cartão do Bem’ foi criado em 2007 pelo antigo prefeito do PMDB Carlos Augusto Baltazar (2005 – 2008 e 2009 – 2012 à frente da Prefeitura de Rio das Ostras) como substituição à Cesta Básica dada pela Secretaria de Bem-estar Social. Era para ser destinado a moradores com renda per capita de, no máximo, um salário mínimo.

Quando foi criado, o Cartão causou muita indignação entre os munícipes mais esclarecidos pelo fato de aquele ser um ano que antecedia as prévias eleitorais e a criação de uma lei municipal estabelecendo transferência de renda para cerca de 10 mil pessoas soava como compra de votos à luz do dia. Na época, o cidadão tinha a possibilidade de retirar o dinheiro no Banco do Brasil ou então fazer compras utilizando-o como cartão de débito em qualquer estabelecimento que aceitasse o pagamento com Visa Electron. Os comerciantes não precisavam fazer nenhum tipo de cadastro para participar do programa.

Este ano, antes do Carnaval, Sabino fez um mutirão envolvendo 150 servidores da prefeitura para refazerem o cadastro dos beneficiários antigos e incluir outros novos para ganharem mensalmente do governo municipal a quantia de R$ 100,00, mesmo valor dado em 2007 para os beneficiários.

A cidade, que vive hoje uma explosão populacional, precisa de fortes investimentos em infraestrutura, saúde, educação, habitação, qualificação profissional e inovação em ciência e tecnologia. Porém, o que vemos é a perpetuação de uma política arraigada ao populismo e na dependência do indivíduo para com o Estado, que ao invés de viabilizar formas para que ele – cidadão – trabalhe, oferece-lhe benefícios em dinheiro, em troca de popularidade e quem sabe, de sua continuidade no governo para além desta nova-velha gestão que acaba de começar. Acaba de começar e já disse a o que veio…

Não fossem os R$ 100,00 de mesada que Sabino está dando para quase 3 mil moradores de Rio das Ostras, mais uma medida populista foi anunciada na semana passada: a construção – em parceria com a construtora mais denunciada nos últimos anos no Brasil, MRV – de casas populares na cidade. Mas esta ação populista será a pauta de outra matéria.

 

Comentários desativados em Cartão do bem ou cartão do mal?

Mais de mil jornalistas foram demitidos pelo Brasil afora em 2012

O ano de 2012 foi marcado por enxugamento das redações, principalmente devido ao fim da publicação de veículos e à migração do impresso para o online. Levantamento feito pelo Comunique-se mostra que mais de 1.230 jornalistas foram demitidos nesse período. A maioria das dispensas foi motivada por cortes orçamentários e reestruturações.

Destaque para os 450 cortes promovidos pela Rede TV, quase um terço do quadro total de funcionários. Entre os jornalistas, Rita Lisauskas deixou o canal em janeiro, após ter postado em seu perfil no Facebook uma reclamação sobre os atrasos salariais. Em março, pelos menos oito pessoas foram cortadas do departamento esportivo, o equivalente a 40% do núcleo. A emissora passou o ano em destaque no noticiário, por causa de demissões, atrasos nos salários e pelo não pagamento de benefícios, como o 13º salário.

Na Record foram registradas 70 demissões. A ordem teria sido cortar em 12% os custos de Record News e R7, informação não confirmada pela empresa. No veículo televisivo, 40 jornalistas de Brasília, Santa Catarina e São Paulo deixaram de fazer parte da equipe. Em nota, a emissora afirmou fazer “uma reformulação em sua grade de programação”.

Grandes impressos também enfrentaram problemas. A “Folha de S.Paulo” demitiu ao menos cinco jornalistas. Em junho, a versão online passou a usar a tecnologia do paywall, cobrando pelo conteúdo produzido. Claudio Ângelo e Lucio Vaz (repórteres da sucursal de Brasília), Carolina Vilanova (repórter de ‘Mundo’) e Lucia Valentim (repórter do caderno ‘Ilustrada’) foram dispensados. Ex-correspondente e ex-secretário de redação, Vaguinaldo Marinheiro também perdeu o emprego.

Concorrente da “Folha”, o “Estadão” demitiu 20 jornalistas em fevereiro. Do mesmo grupo, o “Jornal da Tarde” encerrou suas atividades no Dia das Bruxas, 31 de outubro. Em julho, o JT havia dispensado cerca de 20 profissionais e sinalizou que deixaria de circular aos domingos.

Outro impresso que encerrou suas atividades foi o diário esportivo “Marca Brasil”. Os jornalistas que trabalhavam no periódico seriam transferidos para outras publicações do Grupo Ejesa/Ongoing, responsável pelo portal IG e pelas edições dos jornais “Meia Hora”, “O Dia” e “Brasil Econômico”. A empresa não confirmou, mas na redação os comentários eram de que cerca de 70 foram dispensadas. Em dezembro, 13 funcionários de deixaram a companhia.

No segmento das revistas, o Grupo Abril encerrou o ano com 150 demissões, entre jornalistas e funcionários do setor administrativo. A editora também anunciou o fim da revista mensal Quatro Rodas Moto e a dispensa de quatro jornalistas da publicação.

Fonte: Comunique-se

Comentários desativados em Mais de mil jornalistas foram demitidos pelo Brasil afora em 2012

Rede Hortifruti investe em novas lojas ao longo de 2012 – Uma delas será em Rio das Ostras

A rede Hortifruti, varejista no segmento de hortifrutigranjeiros, implementa o seu plano de expansão e abrirá, até dezembro, mais três unidades, duas na praça do Rio de Janeiro (Ipanema e Rio das Ostras) e uma em São Paulo. Atualmente a empresa possui 23 pontos de venda distribuídos nos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo.

A Hortifruti registra um fluxo mensal de 1,6 milhão de clientes, que consomem cerca de 15 mil toneladas de frutas, legumes e verduras (FLVs).  Ao todo são quatro centros de distribuição (dois no RJ, um no ES e um em SP) e uma frota de 211 veículos que transportam produtos do campo até as lojas.

O maior percentual de venda é da categoria de FLVs, cerca de 40%, seguido de mercearia e delicatessen; processados e carnes. A  empresa ainda possui um cartão de crédito próprio com mais de 35 mil clientes ativos.

A Hortifruti destinou R$ 6 milhões para a verba de marketing e as campanhas continuarão focadas na saúde e nos benefícios dos FLVs. De acordo com o diretor de Comunicação e Novos Negócios, Fabio Hertel, essas  ações  têm o objetivo de comunicar  de maneira divertida os benefícios dos produtos que são comercializados pela rede.

“Investimos na vida saudável e acreditamos que de maneira leve atingimos pessoas de todas as idades. Queremos influenciar esta geração pra que seja sarada física e emocionalmente”, explicou Hertel.

Fonte: Meta Análise

Comentários desativados em Rede Hortifruti investe em novas lojas ao longo de 2012 – Uma delas será em Rio das Ostras

Setur/TurisRio lançam estudo de demanda e oferta de Rio das Ostras

Posted in Cidade, Estado, Infraesturutura, Região, Segurança Pública, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 13/03/2012
O secretário de Turismo do estado do Rio de Janeiro, Ronald Ázaro, vai lançar, na próxima quinta-feira, 15/03, em Rio das Ostras, o projeto de estudo da demanda e oferta turística da cidade. O objetivo é identificar as potencialidades do município e sua infraestrutura turística; fomentar a atividade e a qualificação dos profissionais, serviços e produtos; e fortalecer o Programa de Regionalização, aumentando, assim, o fluxo turístico do destino.
O trabalho beneficia não só os turistas, como também os empreendedores, que passam a ter informações sobre o local aonde pretendem realizar investimentos, o poder público, que recebe subsídios para um planejamento turístico sustentável, os estudantes e a imprensa. De acordo com o diretor de Operações da TurisRio, Marco Aurélio Paes, Rio das Ostras foi escolhido para o projeto piloto devido à sua importância econômica e turística na Costa do Sol.

“Rio das Ostras vem mostrando através do intenso trabalho em prol do turismo fluminense e de obras de infraestrutura na cidade que reconhece a importância da atividade para o desenvolvimento do município. Temos certeza que o estudo agora apresentado será de grande importância para incrementar ainda mais o turismo no município”, declarou Paes.

Serviço:
Cerimônia de entrega do estudo – às 19h.
Câmara Municipal de Rio das Ostras
Praça Papa João Paulo II, Rodovia Amaral Peixoto, km 157
Loteamento Verdes Mares.

Larissa D`Almeida
Tagged with:

Comentários desativados em Setur/TurisRio lançam estudo de demanda e oferta de Rio das Ostras

Receita faz operação contra fraude previdenciária em construções de Rio das Ostras

Posted in Cidade, Economia, Estado, Região, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 09/03/2012

Macaé também foi visitada pela equipe da Receita Federal

Com o objetivo de fiscalizar o recolhimento de contribuições previdenciárias relativas à construção civil no estado do Rio de Janeiro, a Operação Taj Mahal visitou Rio das Ostras e Macaé, nesta quinta-feira.

Uma equipe da Receita Federal sobrevoou as cidades em busca de possíveis irregularidades em construções de ambas as cidades, já que 30% dos imóveis nessas áreas estão em situação irregular, segundo dados da Delegacia Regional da Receita Federal de Macaé.

De acordo com o delegado Otavio Laude, os responsáveis por muitas construções no estado do Rio declaram à Receita que suas obras ainda não começaram, a fim de que não precisem recolher a contribuição previdenciária relativa aos operários.

A operação enfocou dez loteamentos onde podem existir mais de mil lotes com construções irregulares. O sobrevoo foi feito com uma aeronave equipada com câmeras apropriadas para reconhecimento aéreo. As imagens capturadas serão comparadas à outras feitas há cinco anos através de satélites.

De acordo com o delegado, os proprietários das construções que ainda não declararam suas obras podem procurar voluntariamente a Receita Federal para regularizar sua situação, enquanto a investigação estiver sendo concluída.

Depois de encerradas as investigações, a Receita Federal irá autuar e multar os proprietários dessas obras. A multa pode chegar a 150% do valor devido.

Comentários desativados em Receita faz operação contra fraude previdenciária em construções de Rio das Ostras

Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia a ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO durante a Semana de Cultura Afro-Brasileira

Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO, na Semana de Cultura Afro-Brasileira do Polo.

Rio das Ostras – Lamentavelmente uma intervenção artística que consistia na pintura de um muro da cidade acabou em desgaste para professores e alunos do PURO e para os artistas convidados pelos organizadores do projeto ‘1a Semana de Cultura Afro-Brasileira de Rio das Ostras’, promovido interdisciplinarmente por docentes e discentes do Polo.

A Semana contou com diversas atividades, dentre as quais, destacamos a presença do grupo de jongueiros ‘Tambores da Machadinha’, de Quissamã, que coroou a todos os presentes na noite de 17 último com uma apresentação visceral, ensinando a professores, alunos e comunidade o valor que precisamos dar à cultura popular brasileira, afro-brasileira. Referências tão próximas e tão distanciadas de nosso cotidiano vieram à tona ali no ‘terreirão do PURO’… Lindo! O jongo deixou a todos inebriados, energizados, enigmatizados, revigorados e prontos para enfrentar qualquer coisa que viesse à frente. Os tambores da machadinha são muito fortes!

Sexta-feira, de manhã, depois de toda a energia compartilhada na noite anterior, levantei cedo como de praxe para honrar os compromissos da extensa agenda da jornalista encarnada em mim… e segui para mais um dia cheio, daqueles, em Macaé. A pauta era um seminário (falcatrua!!!!) de cultura promovido pela Fundação Macaé de Cultura, que reuniu meia dúzia de gatos pingados em torno de um projeto já pronto pela prefeitura e pela Fundação. Gastei meu tempo… mas aprendi alguma coisa… sobre as quais não vem ao caso agora…

Não poderia cobrir o último dia da Semana de Cultura Afro-Brasileira, mas fui ao PURO entregar dois filmes – O vento forte do levante e Clementina de Jesus, a Rainha Quelé – para serem apresentados na sessão de cinema, durante à tarde, na agenda da Semana.

Jornalista de plantão, obviamente aproveitei o ensejo e papeei um tantinho com os dois desenhistas que estavam esboçando uma ilustração no muro de fora do PURO, para pintarem em cima, depois. O muro fica em frente ao cruzamento da avenida dos Bandeirantes com a rua Recife, no Jardim Bela Vista. Quem não conhece? Em frente rola há anos um ponto de prostituição que a fiscalização também, há anos, finge não ver…

Descobri ali dois rapazes, dois brasileiros famintos por conhecimento, por educação, por arte, por liberdade, por cultura, por um espaço para expressarem sua maneira de perceber o contexto no qual estão inseridos…

Sempre correndo, abracei esses brasileiros, agradeci o depoimento que me deram em vídeo e embarquei rumo a Macaé para o seminário falcatrua.

Surpreendentemente, abrindo o facebook horas mais tarde, li um post chocante, o qual me faz estar aqui, agora.

Não sei se posso replicá-lo, mas basicamente ele comenta o final trágico e triste que teve a atividade da pintura no muro do PURO.

Os artistas que estavam ali convidados, trabalhando, os alunos e organizadores da Semana de Cultura Afro-Brasileira, a comunidade, eu, todos foram afrontados e constrangidos diante de tamanha falta de educação, bom senso e, sobretudo, de cultura dos gestores públicos de Rio das Ostras.

Agressivamente, segundo fontes, uma junta de fiscais, guardas municipais e até policiais militares abordaram os jovens artistas enquanto pintavam o muro – a ilustração remetia à diversidade étnica e à valorização da cultura afro-brasileira –

As cores usadas na pintura eram o vermelho, amarelo, verde e preto… cores da bandeira da áfrica… só que para os aculturados que os abordaram, provavelmente o tema envolvido era maconha e Bob Marley. Antas!

Criaram uma cena horrível no local, um local onde brotava a liberdade de expressão, a arte, a inocência… agrediram pessoas que trabalhavam e ameaçaram processar a universidade por danos ao patrimônio. De arrepiar!

O Polifônico repudia a atitude dos responsáveis por esta ação vergonhosa. Vemos uma cidade que deseja tanto prestar-se ao arranjo produtivo do turismo, mas permanece cega as suas próprias linhas conceituais, metodológicas, enfim… O que acontece na cidade não fica só aqui e as belas propagandas que só aqui são veiculadas, ao contrário das páginas online d’O Polifônico, não são exibidas em nível nacional… tampouco fora do Brasil… sendo assim, esta mesma prefeitura, que tenta vender ao máximo a imagem de cidade do progresso, despreza incoerentemente a imagem negativa que passa Brasil à dentro e mundo à fora sobre o que de fato acontece nesta ilha imperial.

Hoje cedo recebi um email de um dos rapazes que conheci naquela manhã, pronto para mostrar ao mundo sua arte. Este e-mail também me traz aqui, agora.

“Venho aqui para falar que fui totalmente repudiado pela guarda municipal, em relação aquela linda homenagem que estávamos fazendo no muro do PURO. Foram feitas duas abordagens: primeiro vieram dois guardas na viatura, mas só fizeram algumas  perguntas e foram embora. Depois vieram nos dois cidadãos à paisana (que trabalham na guarda) chegaram de forma totalmente grosseira, sem manter o mínimo de respeito na comunicação já chegaram  me oprimindo nem me deram bom dia !!! Não sei o que eles viram em meus olhos mas seja lá o que foi pelo visto não gostaram muito pois não pararam de olhar-me dos pés a cabeça. Por eu e meu amigo pedir para eles se identificarem eles chegaram em certo ponto a dizer que poderia nos levar presos, pois alegavam que o trabalho artístico que ali estava sendo feito era crime(Homenagem ao dia 20 de novembro )  não sei a que se aplicaria o poder ali mas estava ali dando minha contribuição livre, e voluntaria, Junto aos organizadores do evento, e minha arte foi totalmente repudiada pelo poder publico, olha tem uma aluna que tem um vídeo que mostra a hora em que finalizamos a arte, e que pode ajudar depois vejo e arrumo….  “Não aguento mais essa ausência de respeito e incentivo à  cultura por parte das autoridades.”

Prefiro não dizer qual deles assina o e-mail para não expô-lo. Publico os depoimentos de ambos os artistas com quem conversei naquela manhã (antes do ocorrido – em vídeo) e a fala de indignação de um deles (enviada à redação do jornal O Polifônico via e-mail). Tirem suas impressões.

Diante deste cenário imoral de atuação dos gestores públicos, estimulo os envolvidos no episódio (refiro-me aos artistas e comunidade acadêmica, sociedade sempre!!!) a redigirem com seus termos (eu não presenciei o fato) uma nota de repúdio à ação da Prefeitura de Rio das Ostras no caso, para publicizarmos através deste jornal e em todas as redes possíveis!!!!!

Precisamos gerar o desconforto necessário demandado por essa gangue e passar a mostrar para o mundo como agem esses ratos. Creio que seja mais uma forma de nos articularmos contra posturas oriundas de ações repressivas e cerceadoras, além, é claro, de podermos causar grande incômodo aos que armaram essa armadilha sinistra, divulgando ao mundo como preferem ‘trabalhar’.

Não imagino, de fato, qual seja o sentido, o entendimento, que esta prefeitura tem por ‘cultura’, mas posso afirmar uma coisa: a única cultura que ela conhece é a do temor, do medo, do assédio.

Lamento, minha amada Riodas… o que estão fazendo com você. Lamento, pessoal da Semana de Cultura Afro-Brasileira. Vivi com vocês momentos mágicos e inesquecíveis durante a semana toda e é muito triste acompanhar o que estão fazendo com vocês, com o Polo, com o ganha pão de todos vocês, de todos nós. Lamento, estudantes, por vocês estudarem numa cidade que tem gestores públicos tão irresponsáveis como Rio das Ostras têm, sempre teve… lamento, mas não fico só me lamentando… estamos todos em ação e por isso mesmo incomodamos.

Engulam-nos vivos e absorvam ao menos nossos pensamentos e nossas maneiras de raciocinar. Isso já seria uma prerrogativa menos escrota.

Contem comigo e com o jornal O Polifônico para mais esta batalha!

Preciso de vocês fortes e com vigor!!! Todos vocês! Rumo à 2ª Semana de Cultura Afro-Brasileira de Rio das Ostras!!!

Salve o cinema brasileiro!

Leonor Bianchi

Os entrevistados cederam uso de áudio e vídeo ao jornal.

 

Comentários desativados em Abaixo a ditadura!!!!!! O Polifônico repudia a ação da Prefeitura de Rio das Ostras no episódio provocado por ela durante a pintura do muro do PURO durante a Semana de Cultura Afro-Brasileira

Jornal O Polifônico contrata!!!

Posted in Notas, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 22/11/2011

Comentários desativados em Jornal O Polifônico contrata!!!

Chamada Pública: Atenção alunos e professores da rede federal de ensino (Institutos e Universidades)

Posted in Brasil, Cidadania, Educação, Notas, Política, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 21/10/2011
Chamada pública
Está aberto o edital de apoio a ações de extensão universitária destinadas à educação do campo realizado pela Secretaria de Inclusão Digital do Ministério das Comunicações (SID/ MC) e pela Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), da Secretaria-Geral da Presidência da República. A ideia é selecionar projetos de inclusão digital que ocorra preferencialmente em assentamentos da reforma agrária e em comunidades tradicionais, tais como as remanescentes de quilombos e ribeirinhas. Todas as Universidades Federais e todos  os Institutos Federais de Ensino Superior (IFES) podem participar da chamada pública, enviando no máximo três projetos, sendo um para cada linha temática (“Educação do campo”, “Gestão e Comercialização da Produção na Agricultura Familiar” e “Comunicação Digital nas áreas rurais”).
Ao todo, serão investidos R$ 10 milhões. Cada projeto pode solicitar no mínimo R$ 100 mil e no máximo R$ 200 mil. As inscrições podem ser feitas até dia 8 de novembro pelo site doMinistério das Comunicações ou da SNJ.
Confira o edital e o plano de trabalho
Mais informações pelo telefone (61) 3311-6011 ou
pelo e-mail id.juventuderural@mc.gov.br

Comentários desativados em Chamada Pública: Atenção alunos e professores da rede federal de ensino (Institutos e Universidades)

Macaé pode ter supersalários na folha da prefeitura

Posted in Brasil, Coluna do Servidor, Denúncia, Economia, Estado, Política, Região, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 21/10/2011
Duas propostas que estão em tramitação na Câmara Municipal de Macaé prometem gerar polêmica nos próximos dias. Trata-se do Projeto de Lei Complementar PLC – E013/2011, de autoria do Poder Executivo e a proposta de Emenda Modificativa à Lei Orgânica Municipal, de autoria da mesa diretora da Câmara, que permite 100% de incorporação de salários de Secretários Municipais e detentores de cargo eletivo que sejam servidores públicos municipais.
A polêmica gira em torno do benefício para um grupo restrito de servidores, que passariam a receber, para o resto da vida, o valor da gratificação do cargo que ocupa. Os supersalários variam e podem atingir mais de R$ 20 mil. Dentre os beneficiados estão o próprio prefeito, componentes de seu grupo político e alguns vereadores da base do Governo Municipal.
Para ter direito a incorporações em seu salário, o servidor público municipal precisa permanecer no cargo que lhe dá direito à gratificação, além do salário base, no mínimo cinco anos, para que no valor base da remuneração seja adicionado 50%. A alteração proposta pela lei permitirá que somente os que ocupam cargos da alta administração incorporem o valor total. Atualmente, a gratificação para o servidor que ocupa o cargo de secretário é cerca de R$ 10 mil, além do salário base.
Estão na lista do supersalário, caso a lei seja aprovada, os servidores que ocupam cargos representados pelo símbolo CCS-E (secretário, presidente de autarquia e fundação e equivalentes), vereadores e o próprio prefeito.
Esses projetos serão votados nas próximas sessões legislativas e não devem encontrar dificuldades para aprovação definitiva. Em primeira votação, o projeto dos supersalários foi aprovado por ampla maioria. Somente um voto contrário e uma abstenção do conjunto dos vereadores. Por se tratar de alteração da Lei Orgânica Municipal, é necessário um período de 10 dias entre uma votação e outra, prazo que se esgotou essa semana.
Servidores públicos estão se organizando para uma panfletagem nos próximos dias no centro da cidade.
Marcel Silvano
Jornalista – Macaé

Comentários desativados em Macaé pode ter supersalários na folha da prefeitura

Obras sem segurança, operários sem segurança: Onde está a fiscalização?

Posted in Cidade, Infraesturutura, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 12/09/2011

Homens trabalham sem nenhum equipamento de segurança.

Quem passa pela Av. Bandeirantes na altura da entrada de Costa Azul, esquina com a Av. Roberto Silveira, se depara com a construção de um prédio de luxo, que ali está sendo erguido há aproximadamente quatro anos!!!! Flagramos dois pedreiros trabalhando sem nenhum equipamento de segurança e perguntamos: pode? Onde está a fiscalização municipal?

Onde está a Fiscalização?

Recentemente, em outro prédio – hoje já concluído – às margens da Rod. Amaral Peixoto, também outros pedreiros trabalhavam de forma inapropriada. A obra, inclusive, estava também totalmente irregular em sua maneira de ser executada. Não havia a tela protetora exigida em lei, os trabalhadores – nenhum deles – usava equipamentos de segurança, equipamentos e insumos usados na obra, como tijolos, eram arremessados livremente entre um e outro pavimento da edificação no sistema de mão em mão, colocando em risco a cabeça de um cidadão que passava pelo local.

Sem nenhum critério, sem nenhuma fiscalização, obra transcorreu sem problemas, sem segurança...

Legenda da foto: Cuidado, tijolos ao ar...

Secretário de Obras fará reunião está quarta-feira
Esta semana, secretário de Obras da cidade, Fajardo, fará uma reunião com representantes do setor. A Secom não enviou nenhum release sobre a reunião tampouco convidou a imprensa local a participar. Geralmente ela não divulga este tipo de encontro, que é aberto a toda a população. Reserva-se a mandar um jornalista da assessoria governamental à reunião para fazer uma matéria, que depois, em formato de release, será divulgada nos tablóides locais.
O Polifônico recebeu um convite do presidente da Associação de Construtores, Comerciantes e Prestadores de Serviços do Ramo Imobiliário de Rio das Ostras (ACOSIRO), para participar da reunião.
Segundo Edinel Flores, presidente da ACOSIRO, a reunião tratará de várias pautas relevantes para o setor da construção civil de Rio das Ostras.
A reunião com o Secretário de Obras, Wayner Fajardo, acontecerá nesta quarta-feira, dia 14, às 9h, no Auditório do Gabinete do Prefeito.
LB

Comentários desativados em Obras sem segurança, operários sem segurança: Onde está a fiscalização?

Amigos prestam homenagem à estudante morta em atropelamento em frente a UFF

Uma semana depois de ter sido ligado o sinal de trânsito na altura da rodovia Amaral Peixoto, em frente a UFF e uma semana depois da morte da estudante do PURO, Maria Clenilda, fatalmente ferida em um atropelamento exatamente no local onde está o sinal (que até o dia do acidente permanecia desligado), amigos, alunos, pais de alunos e professores da universidade prestaram uma homenagem à estudante, mãe e professora de educação infantil.

Emoção e indignação!

Educadora da Educarte, Maria Clenilda deixou muitos colegas de trabalho, que participaram da homenagem de maneira especial. Cercados de crianças, que empunhavam cartazes pintados por elas mesmas com mensagens de amor e saudade à querida professora, eles pregaram cruzes no local do acidente. Foi um momento de muita emoção!
Pessoas que participaram da homenagem chegaram a explanar como veem o prefeito depois do fato: “um assassino”!

Paz, Maria Clenilda! Estamos fazendo justiça em seu nome...

 

 

Agora veja, Carlos Augusto, sua omissão assinou sua sentença e sua imagem já desgastada está embranquecendo e ficando cada vez mais opaca perante a opinião pública, perante os moradores da cidade que você ‘administra’ (sic), (grifo meu…).
A qualquer momento, mais sobre a cobertura completa da homenagem.

!?

Estudante do PURO pinta faixa em protesto à morte da amiga de curso atropelada em frente à universidade, Maria Clenilda. O descaso da prefeitura foi tanto, que a estudante morreu em consequencia da omissão. No dia seguinte de sua morte o prefeito mandou a GM ligar o semáforo em frente ao Polo.

Comentários desativados em !?

Dia 12 de Agosto ato público dos servidores municipais de Rio das Ostras

Posted in Articulistas, Cidadania, Cidade, Matheus Thomaz, Política, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 12/08/2011

Por *Matheus Thomaz

Neste dia os servidores municipais vão demonstrar publicamente seu descontentamento com a relação da prefeitura para com seus funcionários.

As principais reividicações apresentadas pelos servidores são basicamente três: melhorias salariais, inserção dos servidores na comissão que elabora o Plano de Carreira do serviço público municipal e o fim do assédio moral.

A primeira, Melhorias Salariais, é óbvia e auto explicativa. O salário pago pelo município é baixo e baseado em gratificações. As gratificações não são incorporadas na aposentadoria do servidor e também não apresentam uma segurança financeira, já que pode ser retirada a qualquer momento sem maiores explicações.

Como exemplo dessa decadência que o município atravessa, vou contar um causo de uma colega assistente social, que saiu da prefeitura em 2010 após passar em um concurso que pagava melhor. O valor que ela recebia em 2010 era menor do que quando entrou em 2002. Mesmo o vencimento (que é o salário de fato do servidor) tendo aumentado um pouco, o valor recebido decaiu por que algumas gratificações foram retiradas.

A segunda reivindicação trata do Plano de Carreira. Os servidores pedem que eles sejam inseridos na Comissão que elabora o plano. O Plano de Carreira é o documento lei que rege como será progressão do servidor no cargo que ele ocupa, diz respeito aos servidores concursados. Os planos de carreira são elaborados no sentido de incentivar o funcionário a permanecer no emprego, a investir na carreira com qualificações, especializações e Pós graduações. Os funcionários conforme avançam na carreira vão tendo aumento do vencimento salarial.

Assim acredito ser justo que os próprios funcionário sejam parte da elaboração desse Plano, afinal quem melhor que eles para dizerem quais as qualificações, cursos e especializações são  adequadas para quais cargos. Descentralizar esse processo e incluir o servidor, maior interessado, é um grande passo se objetivo e construir o Plano e valorizar o servidor.

A terceira exigência dos servidores é o fim do Assédio Moral. Mas o que é assédio moral? De acordo com o site http://www.assediomoral.org/ é: Caracterizado pela degradação deliberada das condições de trabalho em que prevalecem atitudes e condutas negativas dos chefes em relação a seus subordinados, constituindo uma experiência subjetiva que acarreta prejuízos práticos e emocionais para o trabalhador e a organização. A vítima escolhida é isolada do grupo sem explicações, passando a ser hostilizada, ridicularizada, inferiorizada, culpabilizada e desacreditada diante dos pares. Estes, por medo do desemprego e a vergonha de serem também humilhados associado ao estímulo constante à competitividade, rompem os laços afetivos com a vítima e, freqüentemente, reproduzem e reatualizam ações e atos do agressor no ambiente de trabalho, instaurando o ’pacto da tolerância e do silêncio’ no coletivo, enquanto a vitima vai gradativamente se desestabilizando e fragilizando, ’perdendo’ sua auto-estima.

Em outras palavras é a perseguição que tem sofrido os servidores municipais de Rio das Ostras. Essas perseguições e falta de liberdade no trabalho tem levado servidores a exonerar do vínculo com a prefeitura e a outros ao stress e conseqüente adoecimento.

Explicadas as reivindicações dos servidores o que nós cidadãos temos com isso? E mais por que deveríamos ir a esse protesto?

Nós cidadão utilizamos os serviços públicos prestados pela prefeitura. Por isso é também nosso dever de cidadão cobrar serviços de qualidade. Essa qualidade tem de começar pela valorização do servidor, com as melhores condições de trabalho possíveis para eles. Mostrar nossa solidariedade com esses trabalhadores fortalece a luta deles e pode ser decisivo para uma vitória. É só observar o caso recente dos Bombeiros, suas justas reivindicações só começaram a ser aceitas quando a população começou a demonstrar seu apoio com fitas vermelhas nos carros e, principalmente, com a participação em massa num ato público de protesto na praia de Copacabana.

Essa que é a primeira, que pode até começar meio tímida e com poucas pessoas. Mas não podem parar as manifestações até que se alcance a vitória. Por essa e por outras devemos participar desta manifestação.

*Matheus Thomaz é assistente social e articulista d’O Polifônico.

Ipea: 73% dos desempregados não têm qualificação para buscar novo emprego

Posted in Trabalho e Renda by ImprensaBR on 01/05/2011

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) estima que 7,3 milhões de trabalhadores brasileiros ficarão desempregados este ano. Desses, 73% não terão experiência e qualificação necessária para concorrer aos empregos existentes no país.

Os dados constam de um estudo divulgado nesta sexta-feira (28) pelo instituto. De acordo com o presidente do Ipea, Marcio Pochmann, apesar do país ainda ter um excesso de mão de obra qualificada, a falta de formação dos trabalhadores deve se tornar ainda mais grave no país com o tempo.

“Se continuarmos a crescer no ritmo atual, vamos ter problemas”, afirmou Pochmann, durante a apresentação do estudo Emprego e Oferta Qualificada de Mão de Obra no Brasil: Projeções para 2011. “Nós temos mão de obra qualificada para o tipo de empregos que a economia brasileira vem gerando. Mas, conforme a nossa economia vai se desenvolvendo, a demanda será mais especializada.”

Ainda segundo o presidente do Ipea, 80% dos empregos do país estão em pequenas empresas. Pochmann disse também que 90% das vagas de trabalho abertas no mercado nacional oferecem salários até tês salários mínimos, o equivalente a R$ 1.635.

Para esses empregos, o nível qualificação exigida não é alta. Porém, afirmou Pochmann, com o crescimento da economia, mais empregos devem surgir, a exigência deve aumentar e a qualificação pode se tornar um problema do mercado de trabalho.

Governo e empresariado precisam agir

Para o presidente da CTB, Wagner Gomes, cabe ao governo federal e às empresas uma ação rápida para atacar esse problema, com investimentos pesados na formação profissional.

“A bola está com o governo, que precisa priorizar esse tema. É necessário mais iniciativa, tanto do Estado quanto do empresariado, especialmente na formação técnica. É governo quem tem maior capacidade de investir nisso”, argumentou o dirigente.

Na mesma linha, o presidente do Ipea defende mudanças no sistema de qualificação dos trabalhadores. Na opinião dele, no Brasil, mais pessoas deveriam ser treinadas dentro das empresas. “A quantidade de trabalhadores formados em estágios e programas trainees é pequena. Temos muita gente em cursos oferecidos por escolas, fora das empresas”, afirmou.

Pochmann falou que esses cursos são importantes. Contudo, alguns postos de trabalho exigem uma qualificação ainda maior que, nesse tipo de programa de formação, os trabalhadores não obtêm. “O governo poderia incentivar as empresas que treinam seus funcionários dentro do ambiente de trabalho”, sugeriu.

Ele defendeu também um planejamento de longo prazo dos programas de formação profissional. Pochmann disse que empresas e governo precisam conversar sobre a necessidade de mão de obra para direcionar os investimentos na solução de possíveis “gargalos”.

Agência Brasil

Comentários desativados em Ipea: 73% dos desempregados não têm qualificação para buscar novo emprego

O 1º de Maio e o movimento político classista dos trabalhadores

Posted in Economia, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 01/05/2011

A celebração do Primeiro de Maio, dia da classe trabalhadora internacional, é uma ocasião propícia para uma reflexão coletiva da própria classe, dos sindicatos e demais organizações de massas dos trabalhadores e dos partidos de esquerda situados na perspectiva do socialismo e do comunismo.

Reflexão na luta, para melhor orientar e organizar a luta da classe trabalhadora.

O Primeiro de Maio deste ano é mais um que coincide com a crise do sistema capitalista-imperialista. Tão profunda, intensa, ampla e extensa, de prolongada duração, que está pondo em xeque a própria ordem mundial, o que se evidencia no declínio da hegemonia estadunidense e na bancarrota do dólar como padrão monetário internacional.

No ambiente de crise, a fúria da burguesia contra os trabalhadores se torna ainda mais assombrosa. Os governos burgueses de direita ou sociais-democratas tiram a máscara e investem sobre os direitos de quem trabalha. Achatam os salários, atiram à rua da amargura milhares de trabalhadores que, sem emprego, se transformam em marginais numa sociedade cada vez mais alienante. Revogam leis trabalhistas, liquidam conquistas alcançadas em décadas de luta, arrancadas às vezes à custa de embates cruentos. Sob falsos pretextos, promovem alterações regressivas na Previdência Social, último reduto de sobrevivência para quem trabalhou e necessita de amparo e solidariedade no outono da vida.

Em tal contexto, a comemoração do Primeiro de Maio é antes de tudo uma afirmação da luta em defesa dos direitos conquistados.

No Brasil, os atos políticos e festivos organizados pelas Centrais sindicais, sobretudo aquele que unificou cinco delas, são a afirmação de uma plataforma de luta para defender esses direitos ameaçados. Pela valorização do trabalho, por uma justa distribuição de renda, por salários dignos, pela jornada de 40 horas semanais, contra o fator previdenciário e outras modificações de caráter retrógrado na Previdência Social, em defesa das leis trabalhistas.

A essas reivindicações, a classe trabalhadora brasileira agrega, em uníssono com a grande maioria da nação, a exigência de mudança da política macro-econômica, marcada ainda pelo conservadorismo e ortodoxia financeira impostos pelo capital monopolista-financeiro internacional. Interessa à classe trabalhadora o desenvolvimento nacional soberano, base para fomentar a justiça social.

Bem conduzidas, essas lutas promovem a unidade da classe, fazem despertar sua consciência política, aumentar sua mobilização, consolidar sua organização.
Para além do cenário imediato, a celebração do Primeiro de Maio tem sentido estratégico e significado político-ideológico ligado com o futuro da luta pela emancipação da classe trabalhadora.

Ontologicamente, a classe trabalhadora é anticapitalista. O sistema baseado na espoliação e opressão dos trabalhadores está historicamente condenado. Por isso, comemorar o Dia Internacional dos Trabalhadores é também apontar o sentido socialista de sua luta. Para cumprir seus objetivos, o movimento operário precisa ser um movimento político classista, com perspectiva socialista.

Os operários conscientes, de vanguarda, organizados e ideologicamente convictos de que é indispensável lutar pela emancipação da classe sabem que não se alcança o socialismo com proclamações nem por decreto. Nem seguindo modelos. Sabem igualmente que o caminho não é curto nem retilíneo. É mais complexo que cruzar os Andes ou singrar os rios amazônicos. Sabem que devem empenhar-se num processo tortuoso de acumulação revolucionária de forças que comporta muitas etapas transitórias e intermediárias. Mas não perdem de vista que para dar o salto civilizacional e construir o socialismo, deverão proceder à ruptura revolucionária com o capitalismo, num processo de árdua luta econômica, social, política, cultural e ideológica.

Nessa trajetória, precisam do conhecimento histórico e da ciência, que não se confunde com a sociologia burguesa vulgar, nem com a doutrinação da social-democracia. Desde o Manifesto Comunista de Marx e Engels até os nossos dias, permanece atual o estudo e o desenvolvimento teórico e prático do socialismo científico.

Fonte: Vermelho.org

Comentários desativados em O 1º de Maio e o movimento político classista dos trabalhadores

Aprovado reajuste para piso regional do Estado do Rio

Posted in Estado, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 16/04/2011

O projeto de lei 189/2011 votado nesta terça-feira, dia 12, na Assembléia Legislativa do Rio (Alerj), aumentou o percentual de 6,86% proposto pelo Governo do Estado, para 9,86% o reajuste dos pisos regionais do Estado do Rio de Janeiro, beneficiando mais de dois milhões de trabalhadores de todas as áreas. O deputado Sabino aprovou emendas de sua autoria, que incluem as categorias de técnico em radiologia, técnico em transações imobiliárias, pescadores e criadores de animais aquáticos. Já aqueles que possuem nível superior em fisioterapia, também serão incluidos no novo piso regional através de emendas de autoria de Sabino e da deputada Enfermeira Rejane (PCdoB).
Sabino concluiu com sucesso a inclusão dos trabalhadores que possuem nível técnico em radiologia e transações imobiliárias no reajuste, ajustando o piso dessas categorias para R$ 836,66. Já aqueles que possuírem nível superior em fisioterapia, terão o piso reajustado para R$ 1.630,99.
A classe pesqueira também foi beneficiada com os reajustes. Os pescadores polivalentes (catadores de caranguejos e siris; catador de mariscos; pescador artesanal de lagostas e pescador artesanal de peixes e camarões) e criadores de animais aquáticos (criadores de camarões, mexilhões, ostras, peixes e rãs), passarão a partir de maio, a receber o piso de R$ 731,43.
O acréscimo no piso foi resultado de intensa negociação entre líderes sindicais, empresários e parlamento, garantindo aos trabalhadores do estado do Rio pisos maiores que os de São Paulo e Minas Gerais, fazendo com que nenhum piso do estado seja inferior à R$ 607,88.
Para minimizar o impacto para os empregadores, a Alerj decidiu que o novo reajuste passará a vigorar a partir de abril, acabando com a retroatividade do reajuste de janeiro. A ideia é que os cerca de dois milhões de trabalhadores que ganham os pisos regionais, recebam os novos valores nos salários referentes ao mês de abril, que serão depositados nos primeiros dias de maio. A lei será enviada ao governador Sérgio Cabral, que tem quinze dias úteis para sancionar ou vetar a proposta.

Comentários desativados em Aprovado reajuste para piso regional do Estado do Rio

Sabino participa de encontro estadual da Força Sindical

Posted in Cidadania, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 10/04/2011

A Central da Força Sindical está promovendo em Rio das Ostras o 1º encontro da Oficina de Formação Política Sindical. O evento acontece entre os dias 11 e 14 de abril, no Pousada Se Achegue. Participam do encontro lideranças locais e do Estado. O deputado estadual Sabino esteve no evento nesta terça-feira, 12.
O objetivo do encontro é discutir necessidades sindicais relacionados ao aprimoramento, aprendizado e aperfeiçoamento de novas leis sindicais e modalidades atuais de portarias do Ministério Público do Trabalho (MTP), rescisões trabalhistas, judiciárias do trabalho e de conhecimento técnico da vida sindical.
O deputado Sabino comentou sobre a importância de o município receber líderes sindicais e da necessidade dos sindicatos municipais estarem integrados por conta dos grandes empreendimentos que estão sendo implantados no Estado, como o Comperj e o Porto do Açu. “Também quero deixar registrado minha luta quando fui secretário de Trabalho e Renda do Estado para implantar cursos de qualificação em toda região e assim para aproveitar a mão de obra local. Na época, a secretaria tinha um registro de 30 mil pessoas qualificadas e muitas vagas em aberto”, destacou Sabino.
O presidente estadual da Força Sindical Francisco Dal Prá falou sobre o trabalho de Sabino e o resultado que esse ocasionou para o desenvolvimento de Rio das Ostras e do Estado do Rio de Janeiro. “Quando foi secretário, Sabino ajudou muito para qualificação da mão de obra na região, já que era uma necessidade por conta do mercado de trabalho na área de petróleo”, ressaltou Dal Prá. O presidente falou ainda sobre a necessidade de se montar uma delegacia sindical no município devido a importância de Rio das Ostras para o cenário sindical. (more…)

Comentários desativados em Sabino participa de encontro estadual da Força Sindical

Comissão espacial do COMPERJ é instalada na ALERJ

Posted in Economia, Estado, Infraesturutura, Região, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 24/03/2011

Foi instalada nesta quarta-feira (23/03), na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), a Comissão Especial para discutir e construir a interlocução com os municípios que sofrem a influência do Complexo Petroquímico do Rio (Comperj), junto à Petrobras. O presidente da comissão, deputado Robson Leite (PT), anunciou que o colegiado irá convidar para sua primeira audiência, que será realizada no dia 12 de abril, os prefeitos dos municípios envolvidos, o presidente do Comperj e a Petrobras. Segundo o deputado, a empresa dará apoio e disponibilizará funcionários para auxiliar a comissão, que terá como objetivo acompanhar os impactos ambientais e sociais da instalação do complexo. “Como funcionário da Petrobras, eu conheço o projeto em seus aspectos positivos e negativos e estou à frente desta comissão para evitar que a tragédia que aconteceu em Macaé se repita”, comentou o parlamentar, referindo-se às condições das instalações da estatal no município.

Serão convidados para a audiência os prefeitos dos municípios de Cachoeira de Macacu, Guapimirim, Itaboraí, Magé, Rio Bonito, São Gonçalo, Tanguá, Casimiro de Abreu, Maricá, Niteroi, Nova Friburgo, Rio de Janeiro, Saquarema, Silva Jardim e Teresópolis. Durante a instalação da comissão foram escolhidos como vice-presidente o deputado Altineu Cortes (PR) e, como relator, o deputado Jânio Mendes (PDT). Os deputados Comte Bitencourt (PPS) e André Lazaroni (PMDB) atuarão como membros efetivos, e os deputados Rafael do Gordo (PSB), Nilton Salomão (PT), Enfermeira Rejane (PCdoB) e Rosangela Gomes (PRB), como suplentes.

Texto de Andresa Martins, Alerj

Comentários desativados em Comissão espacial do COMPERJ é instalada na ALERJ

Rio das Ostras se prepara para o Ostrascycle 2011

Posted in Cidade, Economia, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 10/03/2011

Rio das Ostras espera receber mais de 25 mil motociclistas de toda América Latina, entre os dias 24 e 27 de março na Praia de Costazul, onde será realizado o XVI Encontro Internacional de Motociclistas, o Ostrascycle 2011.
Para isso, a Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio de Rio das Ostras está organizando uma grande programação com shows gratuitos e vai montar uma ampla infraestrutura para receber bem os motociclistas. Neste ano, o evento vai contar com dois palcos e dezenas de bandas de rock n´roll, num espaço de mais de 500 mil m².
O secretário municipal de Turismo, Alan Machado, acredita que o evento, organizado pelos motoclubes Jaguar do Asfalto e Ostradeiros, vá movimentar mais de R$ 5 milhões na economia da cidade.
Segundo o Rio das Ostras Convention & Visitors Bureau, a procura na rede hoteleira aumentou em relação ao ano passado. “A procura começou com mais antecedência e melhorou muito em relação ao ano passado. Temos pousadas na cidade que já estão lotadas na época do evento”, disse Paula Meireles, presidente do Rio das Ostras C&VB.
A programação completa do evento estará disponível na próxima semana no site www.riodasostras.rj.gov.br, assim como a relação de hotéis e pousadas da cidade.

Comentários desativados em Rio das Ostras se prepara para o Ostrascycle 2011

Melhor gaitista de blues do país faz show em Rio das Ostras neste sábado

Posted in Cultura, Economia, Estereofonia, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 23/02/2011

Flávio Guimarães, a principal referência na harmônica de blues no Brasil, se apresenta na Praça São Pedro, às 18h, com entrada franca
 
Acontece neste sábado, dia 26, a segunda edição do projeto Rio das Ostras Jazz & Blues o Ano Todo, que promoverá shows mensais gratuitos desses ritmos durante todo o ano. A apresentação será do gaitista Flávio Guimarães, que sobe ao palco da Concha Acústica da Praça São Pedro, no Centro, às 18h.
(more…)

Comentários desativados em Melhor gaitista de blues do país faz show em Rio das Ostras neste sábado

Público lota a Praça São Pedro para assistir a primeira edição do Rio das Ostras Jazz & Blues o Ano Todo

Posted in Cidadania, Cultura, Economia, Estereofonia, Trabalho e Renda, Turismo by ImprensaBR on 23/02/2011

Big Joe Manfra e Kenny Brown foram as primeiras atrações
  
A primeira edição do Projeto Rio das Ostras Jazz & Blues o Ano Todo, realizado no último sábado, dia 19, na Praça São Pedro, pela Secretaria de Turismo, Indústria e Comércio, ratificou porque Rio das Ostras é a capital brasileira do jazz e do blues. Mais de 1500 pessoas aproveitaram o final da tarde de sábado para assistir aos shows de Big Joe Manfra e do guitarrista americano Kenny Brown.
Durante os shows, os artistas apresentaram, além de composições próprias, músicas de Jimi Hendrix, Willie Dixon e outros ícones do gênero. Ao final da apresentação, o publicou aplaudiu de pé. (more…)

Comentários desativados em Público lota a Praça São Pedro para assistir a primeira edição do Rio das Ostras Jazz & Blues o Ano Todo

Balcão de Empregos

Posted in Cidade, Empregos e Oportunidades, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 10/12/2010
Veja vagas para a semana que vem no Balcão de Empregos de Rio das Ostras (more…)

Comentários desativados em Balcão de Empregos

80 anos do Ministério do Trabalho e Emprego

Posted in Trabalho e Renda by ImprensaBR on 23/11/2010

Começa na quinta (25) e vai até a sexta (26), no Museu da República, no Rio, o Seminário de 80 anos do Ministério do Trabalho e Emprego.  O encontro vai reunir historiadores, pesquisadores e dirigentes sindicais que debaterão a herança deixada por Getúlio Vargas, as circunstâncias do advento do ministério e as relações mais recentes entre o Estado e o sindicalismo. (more…)

Comentários desativados em 80 anos do Ministério do Trabalho e Emprego

Vagas de Empregos

Posted in Empregos e Oportunidades, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 24/06/2010

ATUALIZADAS EM    24  /  06   /2010

DESCRIÇÃO DA VAGA Nº VAGAS
AJUDANTE DE CAMINHÃO 1
AUXILIAR ADMINISTRATIVO 1
AUXILIAR DE CABELEIREIRO 1
AUXILIAR REFRIGERAÇÃO 1
AUXILIAR SERVIÇOS GERAIS 1
BALCONISTA 1
CABELEIREIRA 2
CARPINTEIRO 1
CHAPEIRO 1
CHURRASQUEIRO 1
CONFEITEIRA 2
CORRETOR DE IMÓVEIS 2
COSTUREIRA 1
COZINHEIRO 4
DOMÉSTICA 5
ELET. DE AUTO 1
GERENTE 1
GESSEIRO 1
INST DE GÁS 1
INST INDUSTRIAL 1
JARDINEIRO 1
MANICURE 5
MAQUIADOR 1
MECÂNICO DE AUTO 1
MECÂNICO DE REFRIGERAÇÃO 1
MÉDICO DO TRABALHO 1
MONTADOR 1
OPERADOR DE EMPILHADEIRA 1
OPERADOR DE LOJA 1
OPERADOR DE GUINDASTE 15/30 1
PADEIRO 2
PINTOR CIVIL 2
PINTOR DE AUTOMÓVEL 1
PIZZAIOLO 2
RÁDIO OPERADORA 1
REPOSITOR 1
REPRESENTANTE COMERCIAL 1
SALONEIRO 1
SECRETÁRIA 2
SUPERVISOR 1
TEC CONTÁBIL 1
TEC REFRIGERAÇÃO 2
TÉC ELETROMECÂNICA 1
TÉC MECÂNICO 2
TORNEIRO MECÂNICO 1
VENDEDOR 2
VENDEDOR EXTERNO 6
VETERINÁRIA 1
VIGILANTE 1
WEB DESIGNER 1

ATENÇÃO: Como as vagas são divulgadas semanalmente, os interessados devem ligar para o Banco de Empregos para saber sobre a existência da vaga ou comparecer à sede da Secretaria de Bem-Estar Social – Av. Desembargador Ellis Hermydio Figueira, s/nº, Jardim Campomar, em Rio das Ostras. Horário de funcionamento: das 8 às 17 horas, de segunda a sexta-feira. Mais informações pelos telefones: (22) 2764-0266 ou (22) 2764-6379.

Comentários desativados em Vagas de Empregos

ZEN de Rio das Ostras recebe 29º empresa e Prefeitura anuncia expansão da área

Posted in Economia, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 24/06/2010

Fugro do Brasil foi inaugurada nesta terça-feira com a presença do prefeito Carlos Augusto

A Zona Especial de Negócios (ZEN) de Rio das Ostras conta com mais uma empresa, a Fugro Brasil – Serviços Marinhos e Levantamentos Ltda., que inaugurou a sua nova unidade nesta terça-feira, dia 22. A companhia está gerando 800 empregos nas áreas de prospecção off shore e on shore e é o 29º empreendimento da ZEN, que conta ainda com outras 25 empresas em processo de instalação. O prefeito Carlos Augusto anunciou que uma área de aproximadamente 1 milhão de metros quadrados será desapropriada ainda este ano para dar inicio a Zona Especial de Negócios 2. (more…)

Comentários desativados em ZEN de Rio das Ostras recebe 29º empresa e Prefeitura anuncia expansão da área

Vagas de Emprego em Rio das Ostras

Posted in Trabalho e Renda by ImprensaBR on 17/06/2010

ATUALIZADAS EM    17  /  06   /2010

DESCRIÇÃO DA VAGA Nº VAGAS
AJUDANTE DE CAMINHÃO 1
ARRUMADEIRA 1
ATENDENTE 1
AUXILIAR CONTÁBIL 1
AUXILIAR DE CABELEIREIRO 1
AUXILIAR LAVANDERIA 1
AUXILIAR REFRIGERAÇÃO 1
AUXILIAR SERVIÇOS GERAIS 1
BALCONISTA 1
CABELEIREIRA 2
CALDEIREIRO 1
CHAPEIRO 1
CONFEITEIRA 2
COZINHEIRO 3
DOMÉSTICA 3
DOMÉSTICO 1
ELET. DE AUTO 1
ENTREGADOR 1
ESTAGIÁRIO 1
GERENTE 1
GESSEIRO 1
INST DE GÁS 1
INST INDUSTRIAL 1
MANICURE 5
MAQUIADOR 1
MECÂNICO DE AUTO 1
MECÂNICO DE REFRIGERAÇÃO 1
MÉDICO DO TRABALHO 1
MONTADOR 1
OPERADOR DE EMPILHADEIRA 1
OPERADOR DE GUINDASTE 15/30 1
PINTOR CIVIL 1
PINTOR DE AUTOMÓVEL 1
PIZZAIOLO 1
PROMOTOR DE VENDAS 1
RÁDIO OPERADORA 1
SECRETÁRIA 1
SOLDADOR 1
SUPERVISOR 1
TEC CONTÁBIL 1
TEC REFRIGERAÇÃO 1
TÉC ELETROMECÂNICA 1
TÉC MECÂNICO 2
TORNEIRO MECÂNICO 1
VENDEDOR 2
VENDEDOR EXTERNO 6
VETERINÁRIA 1
WEB DESIGNER 1

ATENÇÃO: Como as vagas são divulgadas semanalmente, os interessados devem ligar para o Banco de Empregos para saber sobre a existência da vaga ou comparecer à sede da Secretaria de Bem-Estar Social – Av. Desembargador Ellis Hermydio Figueira, s/nº, Jardim Campomar, em Rio das Ostras. Horário de funcionamento: das 8 às 17 horas, de segunda a sexta-feira. Mais informações pelos telefones: (22) 2764-0266 ou (22) 2764-6379.

Comentários desativados em Vagas de Emprego em Rio das Ostras

Prefeitura de Rio das Ostras oferece novos cursos a produtores rurais

Posted in Trabalho e Renda by ImprensaBR on 31/03/2010

Inscrições começam dia 1º de abril, no Centro de Apoio ao Produtor Rural, em Cantagalo
 
Mantendo a parceria entre a Prefeitura de Rio das Ostras, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural- Senar/RJ e Sindicato Patronal de Casimiro de Abreu, estão abertos novos cursos gratuitos para os produtores rurais do município. As inscrições começam dia 1º de abril, quinta-feira, no Centro de Apoio ao Produtor Rural I, em Cantagalo. (more…)

Comentários desativados em Prefeitura de Rio das Ostras oferece novos cursos a produtores rurais

Sabino aprova Lei da Pesca

Posted in Meio Ambiente, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 29/03/2010

Foi publicado nesta quinta-feira (25/03), no Diário Oficial, a lei nº 5665 que cria o “Dia da Aquicultura e a Semana Estadual da Pesca”, de autoria do deputado Sabino (PSC), que preside a Comissão Especial de Aquicultura e Pesca da Alerj. (more…)

Comentários desativados em Sabino aprova Lei da Pesca

Royalties

Posted in Política, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 15/03/2010

Minha amiga, meu amigo, O nosso estado do Rio vive dias difíceis. A ameaça da perda dos royalties de petróleo é real. É hora de nos unirmos contra mais essa ameaça e juntos defendermos o nosso estado, nossos municípios. Sabemos que royalties significa para nós educação, saúde, segurança, esportes, cultura, meio-ambiente, empregos, desenvolvimento econômico e social. Para nós royalties é qualidade de vida. (more…)

Comentários desativados em Royalties

Posted in Empregos e Oportunidades, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 15/03/2010

O Banco de Empregos, da Secretaria de Bem-Estar Social da Prefeitura de Rio das Ostras, oferece serviços gratuitos para trabalhadores e empresas. Nesta semana, há vagas para: (more…)

Comentários desativados em

Zona Especial de Negócios de Rio das Ostras é exemplo para outros municípios do Estado

Posted in Cidade, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 11/03/2010

Secretários de Cachoeiras de Macacu e Teresópolis fazem visita ao município


O secretário de Desenvolvimento, Negócios e Petróleo de Rio das Ostras, Dowsley Oliveira, recebeu a visita nesta quarta-feira, dia 10, dos secretários de Desenvolvimento Econômico de Cachoeiras de Macacu, Osório de Souza, e de Teresópolis, Nassouh Ejje, que vieram conhecer o processo de criação e implantação da Zona Especial de Negócios (ZEN). (more…)

Comentários desativados em Zona Especial de Negócios de Rio das Ostras é exemplo para outros municípios do Estado

Rio das Ostras lança Alvará Simples e facilita abertura de novos empreendimentos

Posted in Cidade, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 26/02/2010

Desburocratização torna mais ágil instalação de novas empresas, gerando desenvolvimento

A Prefeitura de Rio das Ostras criou o Alvará Simples para tornar mais ágil e eficiente a concessão de alvarás para funcionamento de empresas e prestação de serviços no município. (more…)

Comentários desativados em Rio das Ostras lança Alvará Simples e facilita abertura de novos empreendimentos

Banco de Empregos de Rio das Ostras

Posted in Empregos e Oportunidades, Trabalho e Renda by ImprensaBR on 24/01/2010

Vagas da semana 25 a 9 de janeiro de 2010

O Banco de Empregos, da Secretaria de Bem-Estar Social da Prefeitura de Rio das Ostras, oferece serviços gratuitos para trabalhadores e empresas. Nesta semana, há vagas para: (more…)

Comentários desativados em Banco de Empregos de Rio das Ostras

%d blogueiros gostam disto: